Siga o OTD

Maratona de Chicago

Atletismo

Maratona de Chicago é cancelada por conta do coronavírus

Prova foi a quarta grande maratona do mundo a deixar de ser disputada este ano em razão dos problemas e riscos causados pela pandemia

Maratona de Chicago é o quarto evento da modalidade cancelado em 2020 (Divulgação Maratona de Chicago)

Maratona de Chicago é cancelada por conta do coronavírus

Nesta segunda-feira (13), os organizadores da Maratona de Chicago anunciaram que a edição de 2020 foi cancelada por conta da pandemia do coronavírus. Anteriormente a corrida já havia sido adiada, mas o atual cenário da Covid-19 no país impede a realização do evento que estava prevista para outubro.

Assim como aconteceu com a edição de 2020 das provas em Boston, Nova York e Berlim, a situação da pandemia fez com o cancelamento fosse a única saída. De acordo com o comunicado da organização, a maior dificuldade estava sendo organizar um evento do tamanho da Maratona de Chicago, que conta com cerca de 45 mil participantes, priorizando a saúde de todos os envolvidos. No momento, os Estados Unidos é o país que lidera no número de casos e mortes por conta do coronavírus no mundo.

+ SIGA O OTD NO FACEBOOKINSTAGRAMTWITTER E YOUTUBE

Brigid Kosgei quebrou o recorde mundial em 2019 (Divulgação Maratona de Chicago)

A última edição da Maratona de Chicago foi histórica. Isso porque a queniana Brigid Kosgei quebrou o recorde mundial da prova ao terminar os 42.195 km com o tempo de 2h14min04.

Com o cancelamento da Maratona de Chicago, quatro das seis maiores provas de rua do mundo estão canceladas em 2020. A única que ainda não foi cancelada é a de Londres, que está programa para o dia 4 de outubro. Já a de Tóquio aconteceu em março sem público e somente com a presença dos atletas de elite.

Proposta para os próximos anos

Em razão do cancelamento da edição de 2020, a organização da Maratona de Chicago informou que os participantes que haviam realizado a inscrição para a edição de 2020 poderão solicitar o reembolso do valor investido ou poderão usar para uma das próximas três edições da prova, programadas para 2021, 2022 e 2023.

Mais em Atletismo