Siga o OTD

Atletismo

Ana Cláudia Lemos é vice-campeã do Circuito Ouro em seu retorno às pistas

A prova feminina dos 100 m foi o destaque da quinta etapa do Circuito Ouro da Federação Paulista de Atletismo (FPA), realizada na tarde desta quarta-feira (10) na Arena Caixa, em São Bernardo do Campo (SP). Ana Claudia Lemos retornou às pistas e foi vice-campeã.

A carioca Vitória Rosa (B3 Atletismo) venceu, com 11.38 (0.4), seguida da cearense Ana Claudia Lemos Silva (Pinheiros), com 11.39. A mato-grossense Vanusa Henrique dos Santos (B3 Atletismo) ficou em terceiro lugar, com 11.61.

Vitória, de 21 anos, comemorou o recorde pessoal no Circuito Ouro e a segunda marca no Ranking Brasileiro de 2017, ficando atrás apenas dos 11.37 de Rosangela Santos (Pinheiros), obtidos em março, nos Estados Unidos. As marcas desta quarta-feira ainda precisam ser homologadas pelo Departamento Técnico da Confederação Brasileira de Atletismo (CBAt), mas a competição contou com a presença de um delegado técnico da entidade.

Já para Ana Cláudia, o Circuito Ouro marcou seu retorno às pistas, depois da lesão que a tirou na Olimpíada do Rio 2016. Com o resultado, ela deve ocupar o terceiro lugar do Ranking Nacional e assim garantir participação no Troféu Brasil Caixa de Atletismo, que será disputado de 9 a 11 de junho, também na Arena Caixa.

Vitória ficou surpresa com o tempo alcançado, principalmente por estar iniciando um novo trabalho com o técnico Katsuhico Nakaya. “Foi uma ótima corrida, e não esperava. Achei que este seria um evento de transição, agora que treino com o Nakaya”, disse a velocista, que esteve na Seleção Brasileira no Mundial de Revezamentos de Bahamas. “Cada vez mais ele (Nakaya) me mostra que eu posso correr 11s baixo. Nunca comecei um ano tão bem”, completou.

Nos 100 m masculinos do Circuito Ouro, Aldemir Gomes da Silva Junior (Vasco da Gama-RJ) foi o vencedor, com 10:29 (1.8), seguido do juvenil Felipe Bardi (SESI-SP), com 10.36. Nos 100 m com barreiras, Fabiana dos Santos Moraes (Pinheiros-SP) foi a primeira colocada, com 13.10 (0,4). Já no triplo, Nubia Aparecida Soares (B3 Atletismo) venceu com 14,00 m (0.4).

Também ainda na dependência de homologação de resultados pela CBAt, alguns jovens atletas brilharam no Circuito Ouro. Nerisnelia dos Santos Sousa, da ASA Sorriso (MT), conseguiu índice no salto triplo para o Mundial Sub-18 de Nairóbi, no Quênia, com 12,80 m, com vento de 0.2 (a marca fixada pela IAAF é de 12,60). Para a mesma competição, Giovana Rosalia dos Santos (FCTE-SP) correu os 400 m em 54.52 (superando o tempo exigido de 55.38).

No lançamento do dardo, Pedro Henrique Nunes Rodrigues (ELJINN-AM) obteve o índice para o Pan-Americano Sub-20 de Trujillo, no Peru, com 71,90 m (a marca mínima é de 68,49 m), enquanto Gabriel Menezes dos Santos Oliveira (Centro Olímpico-SP) repetiu o índice no salto em distância que já havia obtido em janeiro ao conseguir 7,51 m (0.0), superando em 2 cm o resultado exigido para a competição peruana.

Mais em Atletismo