Siga o OTD

Surfe

Gabriel Medina supera mar ruim, faz melhor nota do dia e está na semifinal na França

As condições do mar não eram das melhores durante a disputa das quartas-de-final da etapa de Hossegor, na França, do Circuito Mundial de Surfe. Mesmo assim, Gabriel Medina fez milagre, conseguiu dar um aéreo e conseguiu a nota 8,17, a melhor do dia na competia competição. O resultado somado ao 6,90 que ele já tinha foi suficiente para o brasileiro derrotar o australiano Justin Wilson por 15,07 a 10,13 e garantir a classificação para a semifinal do torneio, que será realizada na segunda-feira.

Gabriel Medina terá como adversário na semifinal o americano Kolohe Andino, que eliminou o australiano Kai Otton nas quartas-de-final. O vencedor conseguiu uma nota 7,67 e outra 5,03 para bater o rival por 12,70 a 8,86.

O vencedor do confronto entre Medina e Andino vai pegar na final um havaiano. Isto porque dois surfistas do arquipélago que pertence aos Estados Unidos se enfrentam na semifinal. Líder do Mundial, John John Florence terá pela frente Keanu Asing, que nunca havia chegado tão longe numa etapa do circuito.

John John Florence eliminou nas quartas-de-final o brasileiro Filipe Toledo. Foi uma revanche do dia anterior, quando o havaiano perdeu por 0,03 para Filipinho, que conseguiu a vitória no final da bateria graças a um aéreo incrível.

Por conta desse resultado, o havaiano teve que disputar a repescagem neste domingo e precisou derrotar outro brasileiro, Adriano de Souza, atual campeão mundial, numa bateria extremamente equilibrada: 10,64 a 10,37.

Já no duelo contra Filipinho, as condições do mar não eram das melhores, mas John John conseguiu surfar umas das poucas ondas boas para tirar um 7,73 e vencer por 14,40 a 11,07.

O adversário dele na semifinal será Keanu Asing, que eliminou o australiano Matt Banting nas quartas numa bateria muito equilibrada, que terminou 13,04 a 12,67 para o havaiano.

Mais em Surfe