Siga o OTD

Tênis de Mesa

Calderano, Bruna, Jouti e Iizuka avançam no Rio de Janeiro

Os brasileiros Hugo Calderano, Bruna Takahashi, Eric Jouti e Leonardo Iizuka avançaram na chave principal do WTT Contender do Rio de Janeiro

Bruna Takahashi, principal representante do Brasil no individual feminino dos Jogos Olímpicos de Paris-2024, em ação no WTT Contender Rio de tênis de mesa (Abelardo Mendes Jr./OTD)
Bruna Takahashi em ação no WTT Contender Rio (Abelardo Mendes Jr./OTD)

Quatro brasileiros estrearam com vitória nos torneios individuais da chave principal do WTT Contender do Rio de Janeiro. Hugo Calderano e Bruna Takahashi confirmaram seus favoritismos, enquanto Leonardo Iizuka e Eric Jouti surpreenderam atletas de ranking melhor. Por outro lado, Guilherme Teodoro, Vitor Ishiy, Bruna Alexandre, Giulia Takahashi, Laura Watanabe e Victoria Strassburger perderam.

Grande destaque da competição que integra o circuito mundial de tênis de mesa, Hugo Calderano (8º) enfrentou o indiano Manav Vikash Thakkar (62º) e ganhou por 3 sets a 0 (11/5, 11/8 e 11/7), sem maiores problemas. Principal ranqueado do torneio de simples masculino, Hugo enfrentará o porto-riquenho Brian Afanador (75º), seu algoz no último Campeonato Mundial, nas oitavas de final.

Já Bruna Takahashi, 18ª colocada do ranking mundial, derrotou a compatriota Laura Watanabe (261ª) por 3 sets a 0 (11/6, 11/7 e 11/7) para se garantir na próxima fase. Sua próxima adversária será a turca Sibel Altinkaya (103ª), em duelo que vai ocorrer nesta sexta-feira (24).

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Jouti e Iizuka superam primeira rodada

Quem também avançou foi Eric Jouti (113º), que passou pelo alemão Ricardo Walther (106º) em uma grande partida. Depois de alguns altos e baixos ao longo do duelo, Jouti conseguiu se encontrar nos momentos finais do set decisivo e saiu vencedor em 3 sets a 2 (11/9, 4/11, 11/7, 9/11 e 11/8). Agora, o brasileiro enfrentará o sul-coreano Lim Jong-hoon (27º) nas oitavas de final.

Eric Jouti comemora ponto da vitória no WTT Contender do Rio de Janeiro
(Foto: Abelardo Mendes Jr./OTD)

“Eu tive alguns momentos bons, mas também tive ruins. Graças a Deus consegui reverter a situação. Estava com um psicológico bom, porque consegui retomar a concentração e não perdi o foco do jogo. Deu certo e, graças à torcida, consegui me manter energético e ativo para jogar. Estou feliz pela vitória. Venho jogando bem e essa foi uma vitória mais especial por estar na frente dos meus pais”, falou Jouti.

Fazendo sua estreia em competições de nível WTT Contender, Leonardo Iizuka (173º) bateu o francês Can Akkuzu (104º) por 3 a 1 (10/12, 11/8, 16/14 e 11/7) e também avançou para as oitavas de final. Ele tem apenas 18 anos de idade e já havia vencido dois jogos para superar o qualifying. Seu próximo adversário no Rio de Janeiro será o japonês Shunsuke Togami (20º), que derrotou o brasileiro Vitor Ishiy (102º).

Derrotas

Apesar da diferença dos rankings e de Togami ser o quarto cabeça de chave do torneio, Ishiy vendeu caro a derrota, que aconteceu em cinco sets: 3 a 2 para o japonês, em 9/11, 11/4, 11/7, 10/12 e 11/7. Já Guilherme Teodoro (131º) caiu diante do francês Thibault Poret (164º) em 3 sets a 2 (11/7, 11/6, 8/11, 10/12 e 11/6).

Entre as mulheres, Bruna Alexandre (183º) fez jogo duro contra a alemã Xiaona Shan (39º), mas saiu derrotada em 3 a 2 (7/11, 14/12, 11/7, 12/14 e 11/7). Já Victoria Strassburger, que assim como Leonardo Iizuka furou o quali do torneio no Rio de Janeiro, caiu diante da japonesa Miyu Nagasaki por 3 a 0 (11/4, 11/3 e 11/7). Também foi a primeira vez que a atleta disputou a chave principal de um evento do circuito mundial. Por fim, Giulia Takahashi (87º) perdeu para a luxemburguesa Sarah de Nutte (105ª) por 3 a 1 (11/3, 9/11, 11/9 e 11/2).

Paulistano de 22 anos. Jornalista formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Estou no Olimpíada Todo Dia desde 2022. Cobri os Jogos Mundiais Universitários de Chengdu e os Jogos Pan-Americanos de Santiago-2023.

Mais em Tênis de Mesa