Siga o OTD

Surfe

5 brasileiros vão às oitavas de final na Gold Coast

Medina, Toledo, Italo, Dora e Willian avançam para as oitavas de final na Gold Coast. Tati vai às quartas.

Willian Cardoso em ação na Gold Coast. Foto - WSL: Divulgação

5 brasileiros vão às oitavas de final na Gold Coast

A noite desta quinta-feira (04) e a madrugada desta sexta-feira (05) foram marcadas pelo terceiro dia de competições em Duranbah, na Austrália. O local recebe a etapa da Gold Coast, que inaugura o mundial de surfe de 2019, e que teve 10 brasileiros em ação no dia de hoje. No masculino, apenas 5 avançaram, sendo que destes só Filipe Toledo não enfrentará um compatriota nas oitavas de final. Por outro lado, será possível assistir um belo confronto entre Gabriel Medina e Yago Dora e um interessantíssimo entre Italo Ferreira e Willian Cardoso. No feminino, Tati já está nas quartas. O campeonato, inclusive, pode ser encerrado na noite deste sábado (06). No entanto, a próxima chamada é às 17h30 desta sexta-feira.

As condições de onda ainda são ruins na Gold Coast, mas a World Surf League (WSL) não hesitou ao colocar o round 3 masculino e feminino na água com baterias simultâneas. Isso deve ter relação com a previsão do mar para os próximos dias, que não apresenta horas seguidas consistentes. Portanto, para chegar no sábado (melhor dia) com chances de finalizar o evento, a WSL tenta correr contra o tempo.

Medina dá show

Gabriel Medina parece não se cansar de dar show. Hoje, contra o novato convidado Mateus Herdy, Medina não hesitou. Apostando nas manobras aéreas e se deu bem, Primeiro, Medina conseguiu um 9.33 e, na sequência 9.80 (a maior nota do campeonato). A onda do 9.80, por sinal, conteve duas manobras aéreas, além da na junção. Foi algo, realmente, fora do comum e o suficiente para bater Herdy, que também vinha apresentando um nível de surfe excelente.

Assista abaixo:

Visualizar esta foto no Instagram.

Uma publicação compartilhada por CANAL PARAFINA • 🌊🤙🏽 (@canalparafina) em

Yago Dora nas cabeças

Se dá para afirmar que há um “pelotão da frente” na etapa da Gold Coast, certamente Yago Dora está nele, assim como Medina e John John. O catarinense tem surfado muito e, apostando em seus aéreos, criará uma tarefa árdua para Gabriel Medina nas oitavas de final. Que bateria é essa!

Filipe x John John

Filipe Toledo e John John Florence já estão no CT desde 2013, mas o confronto do round 4 será apenas o 4º embate entre os dois talentos. Até aqui foram duas vitórias do havaiano e uma do brasileiro.

No entanto, desta vez, o duelo terá ingredientes especiais. John John voltando de lesão, Filipe querendo retomar a confiança e os dois precisando vencer e convencer para aumentar a auto-confiança.Espantando os fantasmas dos últimos anos, quando ele colecionou derrotas em rounds iniciais, Filipe parece coeso e motivado para, finalmente, pegar aquela taça. Está entre os melhores do Quiksilver Pro.

Feminino

Na competição feminina. Tatiana Weston-Webb se vê sozinha, já que Silvana Lima se recupera de lesão. A meia catarinense meia havaiana aposta em sua radicalidade e, até então, vem sendo uma das melhores surfistas dos rounds iniciais. Abaixo, o layback que Tati aplicou:

Tatiana Weston-Webb na etapa da Gold Coast. Foto: KElly Cestari/WSL

+ VEJA O GUIA DO MUNDIAL DE SURFE

Quiksilver Pro Gold Coast (masculino) – round 3

1) Filipe Toledo (BRA) 13.93 x 11.50 Soli Bailey (AUS)
2) Adrian Buchan (AUS) 11.20 x 14.83 John John Florence (HAV)
3) Kanoa Igarashi (JAP) 13.14 x 8.50 Jesse Mendes (BRA)
4) Conner Coffin (EUA) 11.00 x 8.70 Jeremy Flores (FRA)
5) Julian Wilson (AUS) 13.40 x 16.07 Reef Heazlewood (AUS)
6) Griffin Colapinto (EUA) 12.57 x 12.60 Seth Moniz (HAV)
7) Kolohe Andino (EUA) 14.10 x 12.90 Peterson Crisanto (BRA)
8) Owen Wright (AUS) 10.14 x 5.00 Ezekiel Lau (HAV)
9) Gabriel Medina (BRA) 19.13 x 12.23 Mateus Herdy (BRA)
10) Yago Dora (BRA) 15.64 x 14.57 Joan Duru (FRA)
11) Jordy Smith (AFS) 11.27 x 10.53 Ryan Callinan (AUS)
12) Mikey Wright (AUS) 14.26 x 10.47 Jack Freestone (AUS)
13) Italo Ferreira (BRA) 16.53 x 13.10 Ricardo Christie (NZL)
14) Michael Rodrigues (BRA) 12.13 x 13.47 Willian Cardoso (BRA)
15) Wade Carmichael (AUS) 15.50 x 8.80 Sebastian Zietz (HAV)
16) Michel Bourez (TAI) 10.96 x 9.70 Deivid Silva (BRA)

Quiksilver Pro Gold Coast – oitavas de final

1) Filipe Toledo (BRA) x John John Florence (HAV)
2) Kanoa Igarashi (JAP) x Conner Coffin (EUA)
3) Reef Heazlewood (AUS) x Seth Moniz (HAV)
4) Kolohe Andino (EUA) x Owen Wright (AUS)
5) Gabriel Medina (BRA) x Yago Dora (BRA)
6) Jordy Smith (AFS) x Mikey Wright (AUS)
7) Italo Ferreira (BRA) x Willian Cardoso (BRA)
8) Wade Carmichael (AUS) x Michel Bourez (TAI)

Boost Mobile Pro Gold Coast 2019 – round 3

1) Stephanie Gilmore (AUS) 11.40 x 8.87 Macy Callaghan (AUS)
2) Caroline Marks (EUA) 13.84 x 8.27 Isabella Nichols (AUS)
3) Tatiana Weston-Webb (BRA) 14.07 x 12.67 Brisa Hennessy (CRC)
4) Nikki Van Dijk (AUS) 14.67 x 15.10 Malia Manuel (HAV)
5) Lakey Peterson (EUA) 8.80 x 13.34 Sage Erickson (EUA)
6) Sally Fitzgibbons (AUS) 14.43 x 12.90 Corutney Conlogue (EUA)
7) Carissa Moore (HAV) 12.63 x 12.27 Bronte Macaulay (AUS)
8) Johanne Defay (FRA) 11.26 x 11.07 Coco Ho (HAV)

Boost Mobile Pro Gold Coast 2019 – quartas de final

1) Stephanie Gilmore (AUS) x Caroline Marks (EUA)
2) Tatiana Weston-Webb (BRA) x Malia Manuel (HAV)
3) Sage Erickson (EUA) x Sally Fitzgibbons (AUS)
4) Carissa Moore (HAV) x Johanne Defay (FRA)

Mais em Surfe