Siga o OTD

Escalada

Brasileiros ficam nas qualis da Copa do Mundo em Innsbruck

Anja Kohler, Laura Timo e Mateus Bellotto foram os brasileiros que disputaram a prova Guiada da etapa austríaca do Circuito

Na imagem, Anja Köhler em seu esforço para subir a parede.
Foto: ABEE/ Carol Coelho

Essa semana foi realizada mais uma etapa do Circuito Mundial de Escalada, em Innsbruck, na Áustria. Anja Kohler foi a melhor brasileira na disputa, com a 49.6 e 52ª posição, mas sem avançar para a semifinal. Laura Timo ficou em 75º, com 74.0 e também se despediu de forma precoce. No masculino, Mateus Bellotto ficou em 82º, com 80.75. Com lesão no dedo, Samuel Silva estava inscrito mas não competiu neste sábado.

Poupada da disputa do Boulder por sentir dores no dedo, Anja Kohler terminou na 52ª posição geral. Ela obteve 49.6 ao atingir 30 pontos na primeira tentativa, ficando em 33ª, mas na segunda teve 28 pontos, com a 60ª posição. Como apenas das 26 melhores colocadas nas classificatórias avançam, a brasileira se despediu ainda na primeira fase da competição.

Outros brasileiros

Além de Anja, outros dois brasileiros competiram na prova guiada desde sábado. Também no feminino, Laura Timo ficou na 74ª posição, alcançando 16 pontos (73ª) e 19 (74ª). Ja entre os homens, Mateus Bellotto ficou na 82ª posição no Lead, com marca de 80.75. Na sua primeira tentativa ficou com 17 pontos, ficando em 80º, e 16 pontos, na 83º posição.

Outro que estaria competindo na prova Guiada é Samuel Silva, que acabou tendo uma lesão no dedo anelar durante a prova de Boulder. Em suas redes sociais o atleta publicou que a decisão de abrir mão das qualificatórias do Lead foi focando nas etapas de Chamonix e Briançon da Copa do Mundo. “A decisão de não participar foi tomada para que eu possa me recuperar e competir em melhores condições em Chamonix e Briançon, daqui a 12 dias. Esse contratempo foi um grande desafio (mental e físico) durante a etapa de Boulder”, explicou o brasileiro.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Disputas no Boulder

O Brasil já havia entrado em ação nas disputas do Boulder, com três atletas. A melhor colocação foi de Samuel Silva, que fez sua estreia no circuito e ficou com a 63ª colocação. Ele alcançou 1 Top e 5 Zonas, mesmo com lesão no dedo anelar. Além dele, Mateus Bellotto terminou na 73ª posição, com 1 Top e 3 Zonas, enquanto no feminino Laura Timo alcançou 3 Zonas e ficou também em 73º.

Formada em Jornalismo pela Unesp-Bauru, participou da Rio-2016 como voluntária, cobriu a Olimpíada de Tóquio-2020 pelo Olimpíada Todo Dia e hoje coordena as Redes Sociais do OTD.

Mais em Escalada