Siga o OTD

Basquete

Brasil perde para Camarões, mas avança no Pré-Olímpico

Brasil toma sufoco de Camarões, chega a ficar 24 pontos atrás do placar, mas se recupera e avança no Pré-Olímpico

Jogadores da seleção brasileira de basquete masculino em marcação contra Camarões no Pré-Olímpico
(Foto: FIBA)

Foi com muita emoção, mas o Brasil avançou no Pré-Olímpico de basquete masculino. A equipe chegou na última rodada do torneio em uma situação bem confortável, mas tomou um grande sufoco de Camarões e precisou se recuperar no segundo tempo para sair com a classificação. No fim, a equipe brasileira perdeu por 77 a 74, na tarde desta quinta-feira (04), em Riga, na Letônia. mas garantiu vaga na próxima fase, onde enfrentará Filipinas.

Como tinha vencido Montenegro por 81 a 72 na estreia, uma simples vitória do Brasil garantiria a classificação e a primeira colocação do grupo. Além disso, Montenegro ganhou de 70 a 66 de Camarões, o que significava dizer que o Brasil poderia perder até por 13 pontos para garantir a classificação e por até seis pontos para ficar em primeiro lugar na chave. Somente uma derrota por 14 pontos ou mais eliminaria a equipe.

Por pouco, o cenário mais improvável não aconteceu. O Brasil até fez um bom início, mas teve uma apagão no segundo quarto e chegou a ficar 24 pontos atrás do placar. A equipe se acertou na reta final do primeiro tempo e melhorou a defesa e o aproveitamento a partir do terceiro período e diminuiu a desvantagem. A seleção chegou a empatar o duelo no fim, mas Camarões venceu com uma bola de três pontos.

Yago e Felício contra Camarões no Pré-Olímpico de basquete masculino
(Foto: FIBA)

O resultado de 77 a 74 foi benéfico tanto para o Brasil quanto para Camarões, uma vez que as duas equipes se classificaram. Como as três equipes do grupo tiveram uma vitória e uma derrota, o que definiu a classificação foi o saldo de cestas. O Brasil ficou em primeiro lugar no grupo, com +6 de saldo, Camarões foi segundo com +2 e Montenegro acabou eliminado com -5.

Com a vaga garantida em primeiro lugar do grupo B, o Brasil enfrentará Filipinas, segundo colocado do grupo A, na semifinal, que ocorrerá no sábado (06). A equipe asiática surpreendeu a anfitriã Letônia e conseguiu uma grande vitória, mas acabou derrotada pela Geórgia nesta quinta-feira. A Letônia ainda ficou em primeiro lugar da chave e jogará contra Camarões. Quem vencer destes dois duelos, jogará a final no domingo (07), às 13h (horário de Brasília), valendo vaga nos Jogos Olímpicos de Paris-2024.

Números

O Brasil começou a partida com Marcelinho Huertas, Gui Santos, Léo Meindl, Lucas Dias e Bruno Caboclo. Yago e Benite entraram ao longo da partida e tiveram alta minutagem. Lucas Dias atuou por 35 minutos, enquanto Léo por 34. Léo foi o maior pontuador brasileiro, com 19 pontos, em um aproveitamento de 50% dos arremessos de quadra, enquanto Lucas Dias anotou 16.

Lucas Dias arremessando de três pontos em jogo do Brasil contra Camarões no Pré-Olímpico de basquete masculino
(Foto: FIBA)

Caboclo, que recebeu marcação muito pesada, marcou dez pontos e quatro rebotes. Ele atuou por 24 minutos, sendo substituído por Felício, que marcou seis pontos, em muitos momentos. Yago fez seis pontos, pegou seis rebotes e deu sete assistências. Pelo lado de Camarões, Jeremiah Hill marcou 22 pontos, em um aproveitamento de 46,2% nos arremessos de três pontos (era de 62,5% ao final do primeiro tempo).

Como foi o jogo

O jogo começou elétrico, com ótimos aproveitamentos das duas equipes. Em um bom momento, Camarões abriu sete pontos de vantagem e chegou a 17 a 10. O Brasil também anotou uma ótima corrida, com eficácia nas bolas de três, e passou a frente, e passou a frente em 25 a 19. No entanto, a seleção não sustentou a vantagem na reta final do primeiro período e tomou a virada, fechando a parcial com 29 a 27 contra.

Depois do início equilibrado, tudo desandou na segunda parcial. Camarões manteve o bom ritmo e seguiu com um forte ímpeto ofensivo. Ao mesmo tempo, fez uma marcação muito agressiva e conseguiu anular Bruno Caboclo no garrafão. Assim, o Brasil passou sete minutos sem marcar uma cesta de quadra e a equipe africana anotou uma corrida de 20 a 0.

Jogadores de Camarões comemoram vitória sobre o Brasil no Pré-olímpico de basquete masculino
(Foto: FIBA)

Camarões chegou a abrir 24 pontos de vantagem, em 56 a 32, mas encerrou sua boa sequência aí. Apesar de ainda cometer turnovers, o Brasil melhorou sua defesa, voltou a pontuar no ataque e conseguiu cortar a diferença na reta final. A equipe foi para os vestiários perdendo por 56 a 39, também contando com erros de lances livres de Camarões.

O retorno para o terceiro período foi marcado por muita fisicalidade. Camarões marcou os três primeiros pontos do quarto, mas depois passou sete minutos sem fazer uma cesta de quadra. Com uma rotação com Yago e Felício em quadra, o Brasil se aproveitou e cortou a diferença para sete pontos, em 61 a 54. Camarões retomou a dianteira na reta final e voltou a ter 68 a 55.

O Brasil voltou bem para o quarto período. Com Caboclo de volta e Lucas Dias e Léo Meindl bem, a seleção verde-amarela encaixou uma boa sequência e pouco a pouco diminuiu a diferença. A equipe chegou ao empate em 74 a 74 e ainda teve a oportunidade de passar a frente. Camarões acertou uma bola de três no minuto final e garantiu a vitória por 77 a 74, classificando os dois países.

Paulistano de 22 anos. Jornalista formado pela Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Estou no Olimpíada Todo Dia desde 2022. Cobri os Jogos Mundiais Universitários de Chengdu e os Jogos Pan-Americanos de Santiago-2023.

Mais em Basquete