Siga o OTD

Lebron James diz estar aberto a discutir retorno da NBA

Basquete

NBA e NBPA apresentam plano para retomada da temporada

Liga americana de basquete anuncia o processo para a retomada da temporada a partir de 30 de julho

Liga, associação de atletas e Disney entram em acordo no plano de retomada (Divulgação NBA)

NBA e NBPA apresentam plano para retomada da temporada

A NBA (National Basketball Association) e a NBPA (Associação Nacional de Jogadores de Basquete) anunciaram nesta sexta-feira (26), que foi finalizado um plano abrangente visando a retomada da temporada 2019-2020 em 30 de julho. O planejamento inclui protocolos rigorosos de saúde e segurança, com sede única no complexo Walt Disney World Resort (Flórida) e o compromisso de promover ações coletivas no combate ao racismo e defesa da justiça social.

Além disso, a NBA e o Grupo Disney chegaram a um acordo que torna a Arena, o Field House e o Visa Athletic Center, equipamentos do centro ESPN Wide World of Sports, locais de disputas de todos os jogos do restante da temporada, recebendo as 22 equipes sem a presença de fãs.

+ SIGA O OTD NO FACEBOOKINSTAGRAMTWITTER E YOUTUBE

A NBA e a NBPA assinaram um acordo sobre os protocolos de saúde e segurança a serem respeitados na retomada da temporada. O programa aborda os riscos relacionados ao Covid-19, como o objetivo de proporcionar bem-estar de jogadores, treinadores, oficiais e funcionários. O plano foi desenvolvido com suporte de especialistas em saúde, médicos infectologistas e autoridades públicas.

Conforme anunciado esta semana, NBA e a NBPA estão alinhadas no princípio de que a retomada da temporada será pautada pela busca de maneiras reais e sustentáveis de discutir a desigualdade racial em todo o país.

Líderes de NBA e NBPA também debateram estratégias para aumentar a representação de negros em toda a liga e equipes. Como por exemplo, aumentar a presença de empresas de propriedade ou operadas por negros em atividades de negócios da NBA. A ideia de uma fundação para ampliar oportunidades de desenvolvimento educacional e econômico da comunidade negra no país.

Com a certeza de que mudanças a longo prazo só serão possíveis a partir do compromisso, as discussões sobre esses esforços vão continuar frequentes e mais detalhes serão divulgados posteriormente.

O dizem os organizadores

“Trabalhamos em conjunto com a NBPA para estabelecer um plano de retomada que priorize saúde e segurança, num modelo justo de competição e oferecendo uma plataforma para tratarmos de questões de justiça social”, afirmou Adam Silver, comissário da NBA. “Somos gratos à Disney, nossa colaboradora de longa data, pelo papel de anfitriã e por tornar esse retorno possível. Também agradecemos às autoridades de saúde pública e especialistas em doenças infectocontagiosas pela ajuda e orientação na criação de protocolos e proteções médicas abrangentes”.

+ Time de Benite e Augusto Lima está na semifinal da Liga ACB

“É emocionante anunciar oficialmente o reinício da temporada 2019-2020. Foi necessária uma colaboração verdadeira entre a liga e a associação. Quero dar parabéns ao nosso comitê executivo e a vários representantes da equipe. Além de agradecer o apoio e assistência de especialistas médicos, autoridades de saúde pública e muitos outros. Além disso, nossa plataforma em Orlando apresenta a oportunidade única de estender a luta contra o racismo e a brutalidade policial neste país. Continuaremos a trabalhar com nossos atletas e a liga para desenvolver planos específicos em Orlando. Assim como iniciativas de longo prazo para trazer mudanças reais nessas questões” ,falou Michele Roberts, diretora executiva da NBPA .

“Estamos felizes em oferecer sede única para que a NBA possa retomar sua temporada”, disse Josh D’Amaro, presidente da Disney Parks, Experiências e Produtos. “Estamos ansiosos para receber os jogadores, técnicos e funcionários do Walt Disney World Resort enquanto eles se preparam para um emocionante retorno do basquete profissional”.

+ Após testes, 16 jogadores da NBA dão positivo para Covid-19

Como será a temporada

Com formato aprovado, as 22 equipes participantes serão as oito com melhores campanhas em cada conferência. Seis franquias se encontram, atualmente, pelo menos seis jogos atrás da oitava equipe nas duas conferências. O reinício da competição será com as equipes disputando oito partidas de classificação, jogos definidos com base nos confrontos restantes da temporada regular.

NBA
Partidas que marcam a retomada da NBA na atual temporada (reprodução Twitter @ESPN)

Com a conclusão dos jogos restantes, as sete equipes de cada conferência com as melhores campanhas, combinando resultados da temporada regular e das últimas partidas de classificação, serão definidas.

Se a equipe com a oitava melhor campanha (considerando resultados da temporada regular e jogos restantes) de uma conferência estiver mais de quatro jogos à frente da nona colocada, a franquia que estiver ocupando a oitava posição estará classificada aos Playoffs.

Caso a equipe com oitava melhor campanha estiver quatro jogos ou menos à frente da rival que ocupa a nona posição, as duas franquias vão se enfrentar uma série de até três partidas para definir o classificado. A nona equipe vai precisar vencer duas vezes para assegurar a vaga. À oitava equipe, uma vitória será suficiente para a classificação.

Entre os critérios para desempate aos Playoffs será usada a campanha das equipes. Uma vez que estejam definidas as 16 equipes classificadas, os Playoffs seguirão com o formato tradicional com quatro rodadas em séries melhor de sete partidas. Um possível último jogo das Finais da NBA 2020 será no dia 13 de outubro.

Mais em Basquete