Siga o OTD

Basquete

Franca empata série com Rio Claro e Mogi estreia com vitória nos playoffs

Franca empata série com Rio Claro e Mogi estreia com vitória nos playoffs

O Franca Basquete/Magazine Luiza deixou tudo igual na série melhor-de-três do playoff – quartas-de-final do Campeonato Paulista de basquete masculino ao derrotar o Rio Claro Basquete, nesta quarta-feira, por 93 a 56 (46 a 33 no primeiro tempo), em confronto realizado no ginásio Pedrocão,m em Franca. Agora, a disputa encontra-se empatada, com uma vitória para cada lado.

Precisando vencer, a equipe francana iniciou em ritmo forte, marcando as principais jogadas do adversário e atacando com consciência, com isso abriu uma boa vantagem no quarto inicial (23 a 11). O segundo foi marcado pelo equilíbrio, mas ainda assim, com a equipe da casa ligeiramente na frente (23 a 22).

Na volta do intervalo, o Franca Basquete aumentou o ritmo e, aproveitando do rendimento baixo do adversário para fazer a diferença crescer bastante (32 a 13). Já no quarto final, com a garotada em quadra, a equipe da casa ainda esteve em vantagem (15 a 10).

Os destaques foram Lucas Cipolini (18 pontos, 07 rebotes, 02 assistências e 01 bloqueio), Pedro Lima (15 pontos, 04 rebotes e 04 assistências) e Antonio Júnior (15 pontos, 03 rebotes e 01 assistência), pelo time francano; Guilherme Teichmann (13 pontos, 02 rebotes e 01 assistência), Leonardo Pegaia (07 pontos, 01 rebote e 01 assistência) e Vinicius Pastor (07 pontos, 06 rebotes, 01 assistência, 01 bola recuperada e 01 bloqueio), em favor da equipe rio-clarense.

“Entramos focados para tirar o volume dos jogadores deles que mais pontuam e conseguimos fazer isso, pois era um jogo decisivo, assim como vai ocorrer na terceira partida. Temos que manter o foco, pois não ganhamos nada e a diferença de placar não influencia”, comenta o ala Isaac Gonçalves, do Franca Basquete/Magazine Luiza.

O terceiro e decisivo confronto, que vai definir o classificado a semifinal nesta série, acontece no sábado, às 18h30 (de Brasília), novamente no Pedrocão.

Já o Mogi das Cruzes/Helbor saiu na frente ao superar o América/UNIRP/Rodobens/SMEL/3M, mesmo atuando no ginásio do Centro Regional de Eventos, na cidade de São José do Rio Preto (SP), por 101 a 71 (49 a 35 no primeiro tempo). O time mojiano esteve melhor nos dois períodos iniciais (20 a 27 e 22 a 15), abrindo vantagem; na volta do intervalo, o duelo ficou mais equilibrado (22 a 21) e no quarto final, o visitante voltou a ter um ritmo forte e fez a diferença crescer para vencer (30 a 15).

Os principais nomes da partida foram Rafael Castellon (19 pontos e 04 rebotes) e o norte-americano Jamell Cromartie (15 pontos, 02 assistências e 04 bolas recuperadas), pelo time do Interior; Caio Torres (19 pontos, 08 rebotes, 01 assistência e 01 bola recuperada) e Guilherme Filipin (18 pontos, 02 rebotes, 02 assistências e 01 bola recuperada), em favor da equipe do Alto Tietê.

“A gente está encarando como playoff e playoff é para homem. A gente sabe que na casa do adversário tem que jogar com 100%. A equipe fez muito bem a função, principalmente defensiva. Foi mérito e foco total da equipe. Mas ainda falta mais uma partida para passar adiante”, comenta o técnico Guerrinha, do Mogi das Cruzes/Helbor.

O segundo jogo da série melhor-de-três do playoff – quartas-de-final, que pode ser o decisivo, será jogado no sábado, ás 14h10 (de Brasília), no ginásio Municipal Professor Hugo Ramos, na cidade de Mogi das Cruzes (SP), com transmissão ao vivo pela Rede TV!. Uma nova vitória coloca o time da casa na semifinal.

Mais em Basquete