Siga o OTD

Wrestling

Aline Silva, Laís Nunes e Giullia Penalber vão disputar torneios na Europa

Torneio Internacional da Ucrânia e Troféu Matteo Pellicone, na Itália, serão as primeiras competições de Aline Silva, Laís Nunes e Giullia Penalber em 2021

Aline Silva (à direita) foi medalha de prata no Mundial de wrestling em 2014 (Washington Alves/COB)

Aline Silva, Laís Nunes e Giullia Penalber vão disputar torneios na Europa

As brasileiras do wrestling feminino já classificadas para a Olimpíada de Tóquio, Aline Silva e Laís Nunes, e Giullia Penalber, que ainda vai disputar o Pré-Olímpico mundial, vão voltar às competições internacionais com disputa do Torneio Internacional da Ucrânia, no fim de fevereiro, e do Troféu Matteo Pellicone, na Itália, no começo de março.

As três atletas estão em fase final de preparação antes da viagem, marcada para 24 de fevereiro. Aline Silva e Giullia Penalber vão treinar a partir de terça-feira no Cefan, da Marinha, zona norte do Rio de Janeiro, enquanto Laís Nunes trabalha em São José dos Campos.

Giullia Penalber Mundial de Wrestling
Giullia Penalber vai treinar com Aline Silva no Rio de Janeiro (Alexandre Loureiro/COB)

Os treinadores Pedro Garcia e Felipe Macedo são os responsáveis por comandar os treinos no Rio, que terão a participação de seis sparrings para ajudar Aline Silva e Giullia Penalber: Shayenne Vitória, Ana França, Gracyenne Helena, Kaio Dourado, Guilhermy Oliveira e Marcos Wesley.

“Os treinos nos ajudam a controlar a ansiedade antes dos torneios e trazem confiança para competir. Durante os treinamentos terei a companhia do Kaio e Guilherme, que já são companheiros de clube no SESI, e serão sparrings neste período. Tenho certeza que esse treinamento será fundamental para a preparação”, afirma Aline Silva, vice-campeã mundial, atleta olímpica na Rio 2016 e já classificada para os Jogos Olímpicos de Tóquio.

+ TODAS AS NOTÍCIAS DE WRESTLING NO OTD

Em São José dos Campos, Laís Nunes também intensifica a preparação sob os cuidados do treinador Nisdany Perez e com a equipe da São José Wrestling. A equipe paulista conta com titulares das categorias de base e da equipe principal como Kamila Barbosa e Camila Fama. Em virtude da pandemia, o técnico cubano ficou três meses em Cuba antes de poder regressar ao Brasil. Apesar de os treinamentos terem continuado por vídeo durante esse tempo, Laís, também já com vaga assegurada nos Jogos de Tóquio, não esconde a alegria de ter o treinador de volta ao país e no comando dos treinos.

Laís Nunes e Aline Silva estão classificadas para Tóquio
Laís Nunes comemora o fato de voltar a treinar com o cubano Nisdany Perez

“A retomada dos treinos com o professor Nisdany foi muito esperada. Durante os meses em que ele esteve em Cuba, segui o treinamento, mas não é a mesma coisa com ele do lado. Com ele de volta intensificamos a preparação de maneira forte e constante ainda no ano passado e já pensando nesses primeiros desafios do ano e é claro nos Jogos de Tóquio”, frisa a atleta, já da categoria até 62 kg do estilo livre feminino.

+ SIGA O OTD NO FACEBOOKINSTAGRAMTWITTER E YOUTUBE

Além de Aline Silva e Laís Nunes, o wrestling nacional conta com mais um atleta classificado para a próxima edição dos Jogos Olímpicos: Eduard Soghomonyan, armênio naturalizado brasileiro, garantido na categoria até 130kg do estilo greco-romano, que segue preparação nos Estados Unidos, onde reside.

Mais em Wrestling