Siga o OTD

Tóquio 2020

Daniel Dias é eleito membro do Conselho de Atletas do Comitê Internacional

Maior medalhista paralímpico do Brasil, Daniel Dias atuará no IPC e pretende colocar o sistema de classificação funcional em pauta

Daniel Dias IPC
(Rogério Capela / CPB)

A aposentadoria de Daniel Dias mal começou e ele já tem novos desafios à vista. O brasileiro foi eleito neste sábado, 4, membro do Conselho de Atletas do Comitê Paralímpico Internacional (IPC na sigla em inglês) e atuará junto com outros cinco membros para apoiar os atletas dentro e fora das competições.

“Estou feliz por ter sido escolhido como uma voz dos atletas. Quero agradecer a confiança de cada atleta que votou em mim e que juntos possamos contribuir para o desenvolvimento do esporte e vamos sempre defender os interesses dos atletas e colocar em debate a forma que é feita a classificação funcional que acredito que precisa ser aperfeiçoada”, afirmou o brasileiro.

+ Daniel Dias será o porta-bandeira do Brasil no encerramento dos Jogos de Tóquio

Daniel Dias encerrou sua participação em Tóquio 2020 com três medalhas, todas de bronze. Os resultados de suas provas nesta última edição de Jogos Paralímpicos retrataram as consequências dos rebaixamentos funcionais de atletas da Itália, da Espanha, da Ucrânia e China que dificultaram muito a possibilidade do maior medalhista brasileiro escutar o hino nacional na competição.

“Realmente eu fiz o meu melhor e acredito que temos que ter uma definição mais clara sobre a classificação funcional e esta será a minha principal pauta no Conselho, porque a classificação impacta diretamente na vida e carreira dos atletas”, ressaltou.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

A missão do conselho é dar voz aos atletas, a fim de levantar questões, desenvolver projetos e fomentar discussões, sempre em prol do Movimento Paralímpico mundial. Além de Daniel Dias, foram eleitos para o Conselho de Atletas: Martina Caironi (Itália, atletismo), Omara Durand Elias (Cuba, atletismo), Takayuki Suzuki (Japão, natação), Jitske Visser (Holanda, basquete em cadeira de rodas) e Zahra Nemati (Irã, tiro com arco). 

Mais em Tóquio 2020