Siga o OTD

Vini Lanza - Caio Pumputis - Larissa Oliveira - 4x200m livre feminino - Jogos Olímpicos de Tóquio

Tóquio 2020

Vini Lanza, Caio Pumputis e 4x200m feminino não avançam às semifinais

Lanza faz melhor tempo do ano e Pumputis tem 2ª melhor marca da vida, mas ficam fora. Revezamento termina em 10º

(Divulgação)

Vini Lanza, Caio Pumputis e 4x200m feminino não avançam às semifinais

Encerrando o sexto dia de competições da natação nos Jogos Olímpicos de Tóquio 2020, não deu para os brasileiros. Larissa Oliveira, Vini Lanza, Caio Pumputis e o revezamento 4x200m livre feminino caíram na água nesta quarta-feira (28) e não conseguiram avançar às semifinais de suas respectivas provas.

Vini Lanza disputou a segunda bateria dos 200m medley e liderou a prova de ponta a ponta. Foi apertado pelo holandês Arjen Knipping e pelo israelense Gal Cohen, mas se segurou bem e terminou a prova na primeira colocação, com 1:58.92, seu melhor tempo do ano. O tempo, no entanto, não foi suficiente para ele avançar, ficando em 25º lugar geral.

+ Confira TUDO sobre a disputa da natação nos Jogos Olímpicos de Tóquio

“Sentimento é o melhor possível. Esperei sete anos por esse momento. Todas as escolhas que eu fiz na minha vida foram por esse momento. A energia de estar nos Jogos Olímpicos é animal e estou muito feliz de estar aqui. Eu dei tudo que eu tinha, fiz tudo que eu podia, e isso me deixa tranquilo. Fazia três anos que não nadava para 1:58:00 e estou muito feliz com o processo para estar aqui”.

Na sequência, foi a vez de Caio Pumputis nadar na última bateria dos 200m medley. Ele chegou a virar em quarto lugar nos 150m, após o nado peito, mas não segurou o ritmo e terminou a prova em sexto lugar, com tempo de 1:58.36. o segundo melhor dele na carreira, mas acabou ficando de fora da semifinal também, terminado em 19º no geral.

“Achei uma prova boa, foi melhor do que na seletiva, meu segundo melhor tempo da vida. Ficou aquele sentimento de que poderia estar na semifinal, mas a prova foi forte. Em outras edições, acho que esse tempo daria até final… Saí feliz com o meu tempo, mas insatisfeito de ficar fora da semifinal. Acho que é bom estar competindo depois desse ano complicado, realizando um sonho, vivenciando tudo isso para na próxima vir com tudo”.

Natação feminina

Larissa Oliveira ficou em 30º nos 100m livre (Twitter/CBDA)

O dia começou com Larissa Oliveira caindo na água na quarta bateria eliminatória dos 100m livre. Única brasileira na prova, ela largou bem e virou em quarto nos 50m, mas acabou caindo de ritmo e fechou a prova em sexto lugar na prova e 30º no geral, com tempo final de 55.53, ficando fora da semifinal.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Por fim, foi a vez do revezamento 4x200m livre feminino. A equipe brasileira foi composta por Aline Rodrigues, Larissa Oliveira, Nathalia Almeida e Gabrielle Roncatto. Todas elas fizeram bons primeiros 100m, mas cansaram muito na segunda parte da prova, não mantendo o ritmo. Com isso, o Brasil terminou a prova com 7:59.50 e ficou em quinto lugar, ganhando uma posição, já que a Itália foi desclassificada. No geral, as meninas ficaram em 10º.

Mais em Tóquio 2020