Siga o OTD

Tóquio 2020

Tóquio fecha instalações olímpicas de treino por um mês

Centro de Treinamento Nacional e Instituto de Ciências do Esporte do Japão são fechados em meio à pandemia do novo coronavírus

Ajinomoto National Training Center Tóquio
Ajinomoto National Training Center, Tóquio (Wikimedia Commons)

O Conselho de Esporte do Japão impedirá o acesso dos atletas a duas importantes instalações olímpicas de treinamento. A ação é uma resposta à medida adotada pelo primeiro-ministro Shinzo Abe, que colocou o país em estado de emergência para conter a propagação do novo coronavírus.

Os atletas japoneses não poderão usar o Centro Nacional de Treinamento Ajinomoto e o Instituto Japonês de Ciências do Esporte, ambos em Tóquio, entre esta quarta-feira (8) e 6 de maio, informou o Conselho de Esporte do Japão.

Ambas as instalações possuem áreas de treinamento para os principais atletas olímpicos e paralímpicos do país e conseguiram continuar as operações em meio à pandemia, implementando ações contra o coronavírus.

+ SIGA O OTD NO FACEBOOKINSTAGRAMTWITTER E YOUTUBE

O Centro Nacional de Treinamento Ajinomoto, em Tóquio, inaugurado em 2008 como base de desenvolvimento e treinamento para os principais atletas do país, possui áreas de prática para diversos esportes, incluindo judô, luta livre e badminton.

O Conselho de Esporte do Japão ainda solicitará que os atletas que ficam em acomodações fornecidas desocupem seus alojamentos nesta semana.

Estado de emergência

Diante da nova medida adotada pelo primeiro-ministro Shinzo Abe, o esporte japonês vai se ajustando em meio à pandemia.

O torneio Grand Sumo da primavera de março foi realizado sem espectadores pela primeira vez na história do esporte. A Associação de Sumo do Japão decidiu adiar a abertura do encontro de verão em duas semanas, para a partir de 24 de maio.

Grand Sumo, evento de prestígio no cenário japonês, será adiado após estado de emergência -  (Wikimedia Commons)
Grand Sumo, evento de prestígio no cenário japonês – (Wikimedia Commons)

Enquanto isso, o Nippon Professional Baseball também tomou medidas decisivas para impedir a propagação da doença após a declaração de emergência. Nada de beisebol japonês até o início de maio.

A Associação de Futebol do Japão também reagiu logo depois que Abe fez o anúncio. A JFA disse que a 100ª edição da Copa do Imperador não será iniciada no fim de semana de 23 a 24 de maio, conforme previsto.

A JFA também afirmou que as seleções olímpicas de futebol masculino e feminino cancelaram os treinamentos. As atividades deveriam ocorrer no próximo mês nas instalações de treinamento da J-Village, na província de Fukushima.

Contrariando a tendência, a Japan Racing Association disse que todas as corridas de cavalos continuarão, mas sem fãs nas arquibancadas.

Mais em Tóquio 2020

viagra