Siga o OTD

Hugo Calderano comemora na Hungria. Crédito: ITTF.

Tênis de Mesa

Hugo Calderano abre 2 a 0, mas leva virada de francês e é eliminado em Doha

Companheiro de Hugo Calderano no Ochsenhausen, Simon Gauzy derrotou o brasileiro, de virada, depois de estar perdendo por 2 a 0 e foi à semifinal

ITTF

Hugo Calderano abre 2 a 0, mas leva virada de francês e é eliminado em Doha

Depois de derrotar o compatriota Gustavo Tsuboi na estreia e passar pelo medalhista de bronze do último Mundial, o sul-coreano An Jaehyun nas oitavas, Hugo Calderano, do Time Nissan, foi derrotado, num jogo duríssimo, por um velho conhecido e está eliminado do WTT Contender Doha. Depois de abrir 2 a 0 com parciais de 11/6 e 11/8, o brasileiro não conseguiu impedir a virada do francês Simon Gauzy, que é seu companheiro de time no Ochsenhausen, da Alemanha, e venceu três sets seguidos por 11/7, 11/5 e 11/8.

“Infelizmente, o Hugo não conseguiu fechar o jogo. Começou muito bem com um nível muito alto. Sacou muito bem, recepções agressivas e bem eficiente nos primeiros golpes. Passo a passo, a qualidade da recepção caiu e ele perdeu o ritmo certo. O Gauzy jogou muito bem a segunda parte do jogo. Mesmo assim, o Hugo voltou e teve chance de ganhar, mas não fez uma última série boa de saques quando estava 8 a 8. Uma pena pela derrota”, disse o consultor técnico da CBTM e técnico pessoal de Calderano, Jean-René Mounié.

A virada acabou com a trajetória de Calderano no torneio, mas o desafio no Catar continua. O WTT Star Contender, segunda competição do calendário 2021, começou nesta sexta-feira, mas ainda não teve participação dos brasileiros. Além do mesa-tenista carioca, que entra diretamente na chave principal do individual, a partir de segunda-feira, o evento terá a participação de Bruna Takahashi, Eric Jouti, Gustavo Tsuboi, Thiago Monteiro e Vitor Ishiy.

O JOGO

Hugo Calderano se impôs desde o começo do primeiro set contra Simon Gauzy e liderou o placar apertado até 5 a 4. Depois disso, o brasileiro deslanchou e, num ataque potente que o francês não conseguiu defender, fechou em 11 a 6.

No segundo set, a disputa foi equilibrada até 6 a 5 para Hugo Calderano. Depois disso, o brasileiro voltou a abrir vantagem e conseguiu fechar em 11 a 8 numa bola para fora de Simon Gauzy.

No terceiro set, o francês conseguiu abrir 5 a 3, mas logo Hugo Calderano reagiu e deixou tudo igual em 5 a 5. Simon Gauzy, no entanto, estava disposto a se manter vivo no jogo e marcou quatro pontos seguidos para fazer 9 a 5.

Hugo Calderano chegou a reduzir a diferença para dois pontos, mas o francês voltou a abrir no final do set para fechar em 11 a 7.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

No quarto set, Simon Gauzy mostrou que queria mesmo complicar a vida de Hugo Calderano e abriu 6 a 2. O brasileiro chegou a encostar em 7 a 5, mas o francês marcou quatro pontos seguidos e fechou em 11 a 5, levando a decisão para o tie-break.

No set de desempate, os dois mesatenistas trocaram pontos até o empate de 3 a 3. Quando Simon Gauzy abriu 6 a 3, Hugo Calderano pediu tempo para conversar com o técnico Jean-René Mounié.

Na volta do papo com o treinador, Hugo Calderano voltou a se impor, fez quatro pontos contra dois do adversário e encostou em 8 a 7. Aí foi a vez de Simon Gauzy parar o jogo.

Na volta, Hugo Calderano empatou o jogo, mas logo o francês voltou a ter vantagem ao fazer 9 a 8. Simon Gauzy teve o match point após um erro de ataque do brasileiro e não desperdiçou a chance de fechar o jogo em 11 a 8 na jogada seguinte.

Mais em Tênis de Mesa