Siga o OTD

Paralimpíada Todo Dia

Dani Rauen e Paulo Salmin são campeões do Aberto da Espanha

Além das conquistas de Dani Rauen e Paulo Salmin, seis mesa-tenistas subiram ao pódio no Aberto Costa Brava, etapa do Circuito Mundial Paralímpico de Tênis de Mesa.

Daniel Zappe/CPB/MPIX.

Um show de medalhas brasileiras na Espanha. Nesta quinta-feira, 21, oito mesa-tenistas subiram ao pódio no Aberto Costa Brava, em Platja D’Aro Girona, etapa do Circuito Mundial Paralímpico de Tênis de Mesa. O grande destaque ficou por conta de duas conquistas de títulos individuais: Danielle Rauen, na classe 09, e Paulo Salmin, na classe 07.

Outros seis mesa-tenistas subiram ao pódio nesta quinta-feira: Aloísio Lima (classe 01), Israel Stroh (classe 07), Jennyfer Parinos (classe 09) e Welder Knaf (classe 03) ficaram com a prata, enquanto Guilherme Costa (classe 02) e Lethicia Lacerda (classe 08) garantiram o bronze. Aline Ferreira, que podia trazer mais uma medalha, venceu sua partida no grupo único da classe 7, mas terminou em quarto lugar.

Danielle Rauen foi campeã ao vencer o grupo único da classe 09. Na partida decisiva, ela superou a japonesa Megumi Ishikawa, por 3 a 0 (11/8, 11/5 e 11/7). Jennyfer Parinos venceu a indiana Baby Sahana Ravi, pelo mesmo placar (11/2, 11/3 e 11/4), garantindo a prata.

“Foi legal demais! Estou feliz, por ter vindo novamente de grandes vitórias consecutivas, e ter estado na minha melhor performance ou próximo dela na maioria dos jogos. Espero poder levar isso para a disputa de equipes aqui também e garantir mais uma medalha para o Brasil”, disse a campeã Danielle, já projetando o torneio de equipes, ao lado de Jennyfer Parinos.

A atleta acredita que esse desempenho nos dois torneios será importantíssimo para a reta final de preparação para o Parapan de Lima: “É sempre muito motivador estar vindo de fase com bons jogos e utilizar esse cansaço emocional e físico de duas competições seguidas para treinar como um todo. A equipe brasileira está se saindo maravilhosamente bem. Estamos conseguindo resultados muito bons a cada torneio”.

Na classe 07 masculina, Paulo Salmin fez uma competição irretocável. Depois de vencer os quatro jogos no primeiro dia, superou o japonês Katsuyoshi Yagi, por 3 a 0 (16/14, 13/11 e 11/9), em jogo extremamente equilibrado. Na decisão, o colega Israel Stroh, que havia batido o japonês Masachika Inoue, em outro jogo desgastante, por 3 a 2 (11/13, 11/9, 10/12, 11/8 e 11/6). Salmin foi superior na final e garantiu o ouro, vencendo por 3 a 0 (11/9, 11/3 e 11/1). Stroh ficou com a prata.

“Os dois jogos foram bem difíceis. Na semifinal, por exemplo, foi aquele 3 a 0 que podia ser tanto para mim quanto para ele. Todas diferenças mínimas. Mas estou muito feliz com o resultado, estou vivendo uma fase muito boa”, disse Salmin.

Na classe 03, Welder Knaf perdeu a decisão do título para o francês Florian Merrien, por 3 a 1 (9/11, 11/8, 4/11 e 5/11), ficando com a prata. Na classe 1, a prata de Aloisio Lima veio após perder para o sul-coreano Park Sung Joo, por 3 a 0 (6/11, 6/11 e 7/11). Lima era o único atleta entre os quatro primeiros de sua classe que não era sul-coreano.

Guilherme Costa, na classe 02, repetiu o desempenho do Aberto da Itália e ficou com o bronze, ao perder a semifinal para Fabien Lamirault, por 3 a 0 (9/11, 6/11 e 7/11). Por fim, Lethicia Lacerda, que ficou com o bronze da classe 08, ao ser derrotada na semifinal pela francesa Thu Kamkasomphou, por 3 a 0 (3/11, 4/11 e 9/11).

Time São Paulo
Os atletas Paulo Salmin, Israel Stroh, Danielle Rauen e Jennyfer Parinos são integrantes do Time São Paulo, parceria entre o CPB e a Secretaria de Estado dos Direitos da Pessoa com Deficiência de São Paulo que beneficia 62 atletas e quatro atletas-guia de nove modalidades.

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Paralimpíada Todo Dia