Siga o OTD

Pequim 2022

Ucrânia tem melhor desempenho da história no parabiatlo

Com mais três ouros no Parabiatlo, Ucrânia ‘esquece’ guerra e tem melhor desempenho na história do esporte em Jogos Paralímpicos de Inverno

Oksana Shyshkova Parabiatlo Jogos Paralímpicos de Inverno Pequim 2022
Oksana Shyshkova e seu guia Andriy Marchenko comemoram um dos vários ouros da Ucrânia no Parabiatlo em Pequim (Fred Lee/Getty Images)

Os atletas da Ucrânia não sabiam se iriam disputar os Jogos Paralímpicos de Inverno de Pequim 2022 por conta da invasão russa em seu território. Eles não só conseguiram participar, como alcançaram o melhor desempenho da história do país no parabiatlo. As provas da modalidade terminaram na madrugada dessa sexta-feira, dia 11.

Na prova de longa distância (12,5km para as três categorias), a delegação ucraniana conquistou três dos seis ouros disponíveis. Além disso, conquistou mais duas pratas e um bronze entre os homens, encerrando a participação no esporte com oito medalhas douradas, nove de prata e cinco de bronze – 22 no total.

+ Guia dos Jogos Paralímpicos de Inverno de Pequim 2022
+ Agenda dos Jogos Paralímpicos de Inverno de Pequim 2022
+ Todas as notícias sobre Pequim 2022

+ Quadro de Medalhas de Pequim 2022

É o melhor desempenho da Ucrânia na história do parabiatlo. Nos Jogos Paralímpicos de PyeongChang, em 2018, os atletas do país conquistaram quatro ouros, cinco pratas e cinco bronzes – praticamente dois terços do total obtido agora, em Pequim 2022.

O desempenho também catapultou o país no quadro de medalhas desta edição. Além das 22 medalhas nessa modalidade, os ucranianos conquistaram até o momento um ouro, uma prata e um bronze no paraesqui cross-country. Assim, estão na segunda posição do ranking com 25 pódios, atrás apenas da China.

Oksana Shyshkova lidera Ucrânia no último dia do Parabiatlo

O domínio ucraniano em Pequim 2022 tem alguns rostos – e o de Oksana Shyshkova certamente é um deles. Na prova de longa distância, a atleta conquistou o segundo ouro na competição feminina para deficientes visuais com 50min19seg6 e nenhum tiro errado. As alemãs Linn Kazmaier e Leonie Maria Walter ficaram com a prata e bronze, respectivamente.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBETWITTERINSTAGRAMTIK TOK E FACEBOOK

Liudmyla Liashenko, por sua vez, conseguiu seu primeiro ouro no parabiatlo ao vencer a categoria Standing feminino com 47min22seg0 e dois tiros errados. A chinesa Zhao Zhiqing ficou na segunda posição e a canadense Brittany Hudak completou o pódio.

O terceiro ouro da Ucrânia veio na categoria Visually Impaired masculino. Oleksandr Kazik conseguiu seu primeiro título paralímpico ao vencer a prova com 43min16seg1 e dois tiros desperdiçados. Seu compatriota Vitaliy Lukyanenko ficou com a prata e Yu Shuang ganhou mais um bronze para a China.

Liu Mengtao e Oksana Masters conquistam segundo ouro em Pequim 2022

Nas outras três provas de longa distância da madrugada, dois atletas conquistaram o segundo ouro no parabiatlo em Pequim 2022. Liu Mengtao fez a alegria da torcida da casa ao vencer a categoria sitting masculina com 38min29seg4 e desempenho perfeito nos tiros. Taras Rad, da Ucrânia, foi prata e Liu Zixu, também chinês, foi bronze.

Oksana Masters também voltou a subir no lugar mais alto do pódio. A estadunidense venceu o sitting feminino com 42min17seg9 e um tiro desperdiçado. Kendall Gretsch garantiu a dobradinha dos Estados Unidos ao terminar na segunda posição. Yilin Shan, da China, foi bronze.

Por fim, na disputa masculina do Standing, o francês Benjamin Daviet foi o campeão com 37min58seg9 e nenhum tiro ruim. É o segundo triunfo do atleta nesta edição dos Jogos Paralímpicos. Antes, ele venceu o sprint do paraesqui cross-country. Mark Arendz, do Canadá, e Grygorii Vovchynskyi, da Ucrânia, terminaram com a prata e o bronze, respectivamente.

APOIE O OLIMPÍADA TODO DIA

Desde setembro de 2016, o Olimpíada Todo Dia não deixa você ter saudade dos Jogos nunca. É o único veículo de comunicação que todos os dias traz a trajetória dos atletas olímpicos e paralímpicos, combatendo a monocultura do futebol e na busca de ajudar a mudar a cultura esportiva do Brasil. Gosta do nosso trabalho? Nos apoie! Faça um pix para [email protected]

Outra alternativa para nos apoiar é usando o cupom OTD em compras na Centauro. Com o cupom, você ganha 10% de desconto na compra de equipamentos esportivos e parte do valor será revertido para o Olimpíada Todo Dia. Vale lembrar que os descontos não são cumulativos. Se alguma peça já estiver em oferta, você não conseguirá aumentar o desconto, mas se colocar o cupom OTD, parte do valor vai ajudar o portal do mesmo jeito. Você pode comprar também pela vitrine do OTD no site das Centauro.

Mais em Pequim 2022