Siga o OTD

vacina pfizer Tóquio 2020

Laguna Olímpico

Mesmo vacinados, atletas dos Jogos Tóquio-2020 serão testados diariamente

O acordo do COI com a Pfizer e BioNTech não impedirá que todos os participantes que estiverem no Japão passem pelos protocolos de saúde

Doses de vacina contra a Covid-19 serão doadas para comitês olímpicos e paralímpicos competirem em Tóquio (Divulgação)

Mesmo vacinados, atletas dos Jogos Tóquio-2020 serão testados diariamente

O anúncio do acordo entre o COI (Comitê Olímpico Internacional) para receber doses de vacinas contra a Covid-19 dos fabricantes Pfizer e BioNTech, feito nesta quinta-feira (6) trouxe uma sensação de alívio aos organizadores dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos Tóquio-2020. Pelo memorando assinando entre as partes, serão doadas doses para todos os comitês olímpicos e paralímpicos imunizarem seus atletas, treinadores e outros profissionais envolvidos, de acordo com o plano de cada país.

Contudo, a vacinação de todos os participantes não evitará que eles tenham que cumprir os protocolos de segurança, entre eles testagem diárias para o coronavírus.

No anúncio feito nesta quinta, o COI ressaltou que vinha na sequência do lançamento da segunda edição dos chamados “Playbooks”. Assim foram batizados os protocolos de segurança sanitária para a realização dos Jogos de Tóquio-2020 com segurança, em razão da pandemia. A versão atualizada apresentou como novidade que todos os atletas serão testados diariamente contra a Covid-19, bem como as pessoas que terão contatos direto com eles.

+ O blog está no Twitter. Clique e siga para acompanhar
+ Curta a página do blog no Facebook
+ O blog também está no Instagram. Siga

Seguem proibidas a circulação pelas ruas de Tóquio, além de visitas a bares ou restaurantes da cidade. Os participantes precisarão realizar dois testes de Covid nas 96 horas anteriores antes de viajarem ao Japão. Terão que entrar na Vila Olímpica no máximo cinco dias antes de estrearem nos Jogos e terão que partir em até dois dias após encerrada sua competição.

Com a doação de vacinas que as empresas americana e alemã farão, assegura-se que os chamados membros da “família olímpica” chegarão a Tóquio imunizados. Desta forma, espera-se criar um maior clima de segurança entre a população japonesa.

Em meio a uma nova onda de casos e pressão no sistema de saúde, a população japonesa tem se mostrado reticente à realização de Tóquio-2020. Pesquisas promovidas pela imprensa local mostram que cerca de 80% dos entrevistados pedem um novo adiamento ou mesmo cancelamento dos Jogos Olímpicos e Paralímpicos.

“Esta doação da vacina é outra ferramenta em nossa caixa de ferramentas de medidas para ajudar a tornar os Jogos Olímpicos e Paralímpicos de Tóquio 2020 seguros e protegidos para todos os participantes e para mostrar solidariedade aos nossos amáveis ​​anfitriões japoneses”, disse o presidente do COI, Thomas Bach, no comunicado oficial.

Faltou acrescentar que a notícia pode ter assegurado, até aos mais céticos, que Tóquio-2020 acontecerá de qualquer maneira.

Clique no link e seja você também um apoiador do blog. Ajude a combater a monocultura esportiva no Brasil

Mais em Laguna Olímpico