Siga o OTD

Jogos Mundiais de Praia

Brasil conhece adversários nas semifinais no Beach Soccer

No feminino, Seleção Brasileira duela com a Grã-Bretanha; no masculino os oponentes serão os italianos

Brasil conhece adversários nas semifinais no Beach Soccer

Segunda-feira quente nos Jogos Mundiais de Praia (World Beach Games). Nossas seleções brasileiras de beach soccer entram em campo hoje (14/10) para definirem seu destino na competição. As mulheres encararam a Espanha, número 1 do mundo no ranking da BSWW, para decidir quem seria a primeira colocada no grupo A. As europeias venceram por 6 a 3 e agora enfrentarão a Rússia na semifinal, enquanto as brasileiras pegarão a Grã-Bretanha, número dois do ranking. Já entre os homens, nossos craques jogaram muito e não deram brecha para a forte equipe da Suíça gostar do jogo. Vitória por 7 a 4 e classificação para o duelo contra a Itália em uma semifinal. Na outra, iranianos e russos buscarão a vaga na decisão.

A torcida brasileira presente no estádio da praia de Katara vibrou com a seleção feminina no duelo com a forte Espanha. Nossas meninas fizeram muito bonito nos dois primeiros períodos, mostrando que temos um futuro brilhante pela frente. Terminamos os dois primeiros terços da partida vencendo por 3 a 2. No entanto, no último terço, as europeias mostraram porque são consideradas o melhor time do mundo e, com um volume de jogo muito forte, marcaram quatro gols e decretaram a vitória por 6 a 3. Palmas para o time do técnico Fabrício Santos, principalmente Dani Barboza, Bárbara Colodetti e Lorena, nossas artilheiras na partida, que marcaram três golaços!

“Sabíamos que não seria fácil. A Espanha é uma das principais seleções do mundo, o grupo delas se conhece há muito tempo. Erramos no momento que poderíamos errar e saímos com a segunda colocação da chave. Amanhã (15/10) enfrentaremos outra grande seleção, que é a Grã-Bretanha. Não faltará entrega, tenho certeza que todas do nosso grupo estão focadas e determinadas no mesmo propósito. Iremos representar o Brasil da melhor forma”, disse Lorena, que marcou de bicicleta o terceiro gol brasileiro.

Rodrigo é o nome do jogo na classificação brasileira

A braçadeira de capitão dada pelo técnico Gilberto Costa ao atacante Rodrigo fez bem ao jogador. Considerado por muitos do mundo do beach soccer como o melhor jogador da atualidade, o camisa 9 comprovou isso na difícil partida desta segunda-feira (14/10), diante da Suíça, valendo a vaga na semifinal. Mostrando faro de gol e muita técnica, ele marcou os três primeiros gols da partida e foi o artilheiro do jogo. Catarino, Bokinha, Filipe e Antônio também balançaram as redes e fecharam o placar em 7 a 4. Vaga garantida para encararem a Itália, que eliminou a favorita Espanha.

“A equipe da Suíça sempre faz jogos difíceis. Então era importante entrarmos concentrados desde o início. Fizemos isso e conseguimos nos manter na frente do placar a todo momento do jogo. Temos que levar esse foco agora para a semifinal contra a Itália, uma das seleções que mais vêm crescendo nos últimos anos. Nosso time sabe da sua força e buscaremos dar o nosso melhor em busca da vitória. Queremos essa vaga na final”, afirmou o atacante, que agora soma 7 gols no torneio.

Mais em Jogos Mundiais de Praia