Siga o OTD

guilherme toldo classificado para os jogos olímpicos olimpíada de tóquio-2020

Esgrima

Toldo é prata e Moellhausen bronze no Pan-Americano

No 2º dia de disputas do Pan-Americano de esgrima, Brasil é prata com Toldo e bronze com Moellhausen.

Reprodução/Instagram

Toldo é prata e Moellhausen bronze no Pan-Americano

Após passar em branco no 1º de disputas do Campeonato Pan-Americano de esgrima, em Toronto, Canadá, a equipe brasileira se recuperou na continuação da competição. Nesta sexta-feira (28), Guilherme Toldo conquistou a prata no florete masculino, enquanto Nathalie Moellhausen ficou com o bronze na espada feminina.

+ CONFIRA OS RESULTADOS DA COMPETIÇÃO

A equipe masculina do florete começou a disputa individual com quatro representantes e todos passaram pela fase de grupos. Entretanto, Henrique Marques e Julien Baneux perderam logo na primeira rodada eliminatória. Heitor Shimbo ganhou do colombiano Santiago Pachon, por 13 a 11 e avançou às oitavas de final.

Mas diante do venezuelano Victor Leon, Shimbo ficou no quase e foi eliminado pelo placar apertado de 15 a 14. Por sua vez, Guilherme Toldo emendou quatro vitórias seguidas e chegou até a final. Na ordem, o brasileiro eliminou o mexicano Diego Cervantes (15 a 12), o venezuelano Cesar Aguirre (15 a 7), o norte-americano Nick Itkin (14 a 13), o norte-americano Alexander Massialas (15 a 14) e só parou no número 1 do Pan-Americano de esgrima no florete masculino: Race Imboden, dos Estados Unidos.

Race Imboden dominou a disputa final, venceu por 15 a 4 e faturou a medalha de ouro do Pan-Americano de esgrima no florete. Toldo ficou com a prata. Os norte-americanos Alexander Massialas e Gerek Meinhardt foram bronze.

No sabre feminino, quatro esgrimistas também entraram em ação e todas passaram pela fase de grupos. Contudo, apenas Nathalie Moellhausen passou da primeira rodada eliminatória. Marcela Silva caiu para a norte-americana Kelley Hurley (15 a 1). Victoria Vizeu perdeu para a venezuelana Maria Martinez (15 a 11). Amanda Simeão perdeu para a peruana Maria Luisa Doig (15 a 11).

Já Nathalie Moellhausen só parou na semifinal. A mexicana Elizabeth Medina (15 a 8) foi a primeira vítima. Ka Yan Sze, do Canadá perdeu para a brasileira nas oitavas (15 a 9). Nas quartas, Moellhausen fez 15 a 10 para cima da paraguaia Montserrat Viveros. Mas na semifinal, a carrasca de brasileiras, Kelley Hurley, fez 15 a 11 e eliminou Moellhausen, que acabou com o bronze.

No fim das contas, Hurley ficou com o ouro na espada do Pan-Americano de esgrima, Maria Martinez foi prata, e Maria Luisa Doig e a brasileira Moellhausen fecharam o pódio.

No último dia do evento, o sabre feminino e a espada masculina entram em ação na cidade de Toronto.

Mais em Esgrima