Siga o OTD

Curiosidades olímpicas

Spyridon Louis virou herói ao vencer maratona de Atenas-1896

Spyridon Louis foi o primeiro herói olímpico ao ganhar a primeira edição da maratona nos Jogos de Atenas-1896

O grego Spyridon Louis se tornou o primeiro herói olímpico ao vencer a maratona na edição de estreia dos Jogos em Atenas-1896. Pastor de ovelhas de profissão, ele estava longe de figurar entre os favoritos, mas chegou sete minutos a frente do segundo colocado. O curioso é que, apesar da vitória que o consagrou, ele voltou para Marousi, sua cidade natal, e nunca mais voltou a correr.

Nos primeiros quilômetros da maratona, vários atletas se revezaram na liderança da prova, com destaque para o australiano Teddy Flack, que havia vencido os 800 m e os 1500 m rasos em Atenas. Lá pela metade da corrida, Spyridon Louis assumiu a primeira colocação e não a largou mais até cruzar a linha de chegada.

Quando Spyridon Louis se aproximou do final da maratona, mensageiros entraram no estádio para avisar ao público de que um grego liderava a competição. A multidão foi ao delírio com a vitória do atleta, a única do paíse-sede no atletismo naquela edição de Jogos Olímpicos.

+SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Spyridon Louis virou herói em seu país, foi-lhe oferecido presentes e riquezas, mas ele pediu apenas um carrinho para ajudá-lo a carregar água, que vendia em sua cidade, função que ele acumulava junto com a de pastor.

LONGE DO ESPORTE

Mais tarde, Spyridon Louis se tornou um policial rural, mas perdeu o emprego quando foi preso sob a acusação de falsificar documentos militares em 1926. Ele passou mais de um ano na prisão antes de seu julgamento em 28 de junho de 1927, quando foi absolvido.

+ CONHEÇA O BLOG CURIOSIDADES OLÍMPICAS

O grego Spyridon Louis permaneceu uma lenda olímpica e foi convidado do Comitê Organizador nos Jogos de 1936 em Berlim. O Estádio Olímpico de Atenas-2004 foi batizado com o nome do atleta em homenagem a ele.

Mais em Curiosidades olímpicas