Siga o OTD

Anderson Souza Andinho Brasileiro BMX

Ciclismo BMX

Anderson Ezequiel sofre nova queda e para na semifinal na etapa de Bogotá

Em última etapa antes dos Jogos Olímpicos, Andinho para na semifinal e vê Renato Rezende terminar na frente no ranking olímpico

(Life as Art Photography)

Anderson Ezequiel sofre nova queda e para na semifinal na etapa de Bogotá

Neste domingo, a briga pela melhor colocação no ranking olímpico entre Renato Rezende, atleta do Time Nissan, e Anderson Ezequiel foi finalizada com a disputa da segunda etapa de Bogotá da Copa do Mundo de BMX. Enquanto o primeiro encerrou a etapa parando nas quartas de final, Andinho conseguiu avançar a semifinal, porém não somou ponto suficientes para ultrapassar o compatriota no ranking.

Repetindo os resultados obtidos na etapa realizada no último sábado (29), Renato Rezende acabou parando nas quartas de final e somando 80 pontos no ranking olímpico. Já Anderson Ezequiel novamente parou na semifinal, quando acabou prejudicado por um queda, e finalizou a etapa conquistando 100 pontos. Com isso, a diferença entre ambos que era de 97 pontos, acabou sendo finalizada com 77 pontos em vantagem de Renato Rezende.

Renato Rezende BMX Missão Europa Anderson Ezequiel
Renato Rezende finaliza corrida por pontos no ranking olímpico na frente de Andinho (Rafael Bello/COB/arquivo)

Vale lembrar que apesar de ter finalizado a disputa à frente do seu concorrente a vaga olímpica ainda não está confirmada para Renato Rezende. Isso porque a vaga é destinada para o Brasil e a CBC (Confederação Brasileira de Ciclismo) é quem definirá o seu convocado. No entanto, o ranking olímpico deve ser uma ferramenta importante para a definição desta escolha.

Além da dupla, o Brasil contou com outros dois ciclistas nas disputas masculinas. Bruno Cogo finalizou o dia nas oitavas de final, enquanto Pedro Queiroz não passou da primeira rodada. O vencedor da prova masculina foi novamente o francês Joris Daudet.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM, NO FACEBOOK E NO TIKTOK

Já na prova feminina, Priscila Stevaux não conseguiu repetir o bom resultado do último sábado, quando foi finalista da etapa, e acabou caindo na primeira fase. A vencedora da prova feminina foi novamente a atual campeã olímpica, a colombiana Mariana Pajon.

Mais em Ciclismo BMX