Siga o OTD

Brasil x El Salvador - Americup de basquete feminino

Basquete

Arrasador desde o começo, Brasil vence El Salvador na estreia da Americup

Sem dar chances, o Brasil superou El Salvador por 118 a 43 e venceu a primeira na Americup de basquete feminino

(Fiba/AmeriCup)

Arrasador desde o começo, Brasil vence El Salvador na estreia da Americup

Arrasador desde o início, o Brasil superou El Salvador na estreia da Americup de basquete feminino por 118 a 43, nesta sexta-feira (11). Sem dar chances, a seleção brasileira jogou a maior parte em ritmo de treino e não tomou conhecimento das adversárias. O destaque do duelo foi Thayná Silva com um duplo duplo de 22 pontos e 13 rebotes. A equipe brasileira volta para a quadra neste sábado (12) contra a Colômbia.

Nós jogamos um grande jogo. Não só pelos números, mas pelo jeito que estivemos em quadra. Entramos em quadra e jogamos como pensávamos. Eu acredito que nosso time pode jogar da maneira que atuou hoje. O mais importante ao demonstrar respeito pelo adversário é você fazer o seu máximo, e hoje nós fizemos durante todo o jogo”, comentou José Neto.

O jogo

A partida começou com os dois times mais assustados com a estreia. Sem atuar há muito tempo, Brasil e El Salvador sofreram com a grande quantidade de erros e o placar ficou baixo nos primeiros minutos. Na sequência, aos poucos, a seleção brasileira cresceu, com Alana e Kamilla efetivas nos ataques, abriu vantagem e terminou o primeiro quarto vencendo por 28 a 11.

Na volta para o segundo quarto, as comandadas de José Neto mantiveram a postura. Rodando todas as atletas, o Brasil não deixou o ritmo cair e, com as bolas de três passando a cair, a diferença saltou. Com um crescimento do aproveitamento de arremessos de três, a seleção brasileira foi para o intervalo vecendo por 55 a 18.

+ Rayane Soares corre prova extra para incentivar melhor amiga Fernanda Yara na seletiva

Na volta para a partida, o “ritmo de treino” do Brasil seguiu. Melhor dos dois lados da quadra, a equipe brasileira não deu chances. Com destaque para Tainá Paixão, a seleção brasileira mandou no período e deixou o marcador em 88 a 29.

Já nos últimos 10 minutos, com o quinteto todo alterado, o Brasil soube manter a diferença dentro dos 60 pontos e confirmou a vitória na estreia da Americup de basquete feminino por 118 a 43.

Formato de disputa da Americup de basquete feminino

As seleções são divididas em dois grupos, com o Brasil no Grupo A ao lado de Canadá, Ilhas Virgens, Colômbia e El Salvador. O Grupo B tem Porto Rico, Argentina, Estados Unidos, República Dominicana e Venezuela. Os quatro primeiros de cada grupo vão às quartas, com o duelo de 1A x 4B, 2A x 3B, 3A x 2B e 4A x 1B. Os vencedores vão às semifinais e garantem vaga no Pré-Mundial.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

O Pré-Mundial será disputado no mesmo formato do Pré-Olímpico feminino de basquete. Quatro grupos de quatro seleções em quatro cidades diferentes, que ainda serão definidas. Com todos jogando contra todos na mesma chave, os três primeiros se garantem no Mundial de 2022.

Mais em Basquete