Siga o OTD

A quarta-feira (20) foi ruim para os atletas brasileiros do basquete que atuam no exterior. Dois armadores e uma ala entraram em quadra e não conseguiram evitar as derrotas de suas equipes. Na Europa, Marcelinho Huertas, do Iberostar Tenerife, perdeu na Champions League, e Isabela Ramona, do Montana 2003, sofreu revés pela Liga WABA. Já na Argentina, Caio Pacheco caiu com o Weber Bahía no campeonato nacional.

Basquete

Três brasileiros em quadra e derrotas na Europa e Argentina

Na Europa, Marcelinho Huertas, do Tenerife, perdeu na Champions League, e Isabela Ramona, do Montana 2003, sofreu revés pela Liga WABA. Já na Argentina, Caio Pacheco caiu com o Weber Bahía

Marcelinho Huertas teve uma atuação discreta em jogo da Champions League (Facebook/ClubBaloncesto1939Canarias)

Três brasileiros em quadra e derrotas na Europa e Argentina

A quarta-feira (20) foi ruim para os atletas brasileiros do basquete que atuam no exterior. Dois armadores e uma ala entraram em quadra e não conseguiram evitar as derrotas de suas equipes. Na Europa, Marcelinho Huertas, do Iberostar Tenerife, perdeu na Champions League, e Isabela Ramona, do Montana 2003, sofreu revés pela Liga WABA. Já na Argentina, Caio Pacheco caiu com o Weber Bahía no campeonato nacional.

+ Técnico francês volta para comandar o Sampaio Basquete

Dois armadores brasileiros do basquete masculino estiveram em ação. Na América do Sul, Caio Pacheco teve mais uma atuação de destaque pelo Bahía na Liga Argentina de basquete. Mesmo com os 18 pontos do armador, o time dele foi atropelado como visitante pelo San Lorenzo, por 119 a 67. Na tabela de classificação, o clube de Bahía Blanca, província de Buenos Aires, está na lanterna (20ª posição), com três vitórias em 22 jogos.

Na Europa, o Bakken Bears, da Dinamarca, passou pelo Tenerife, da Espanha, em casa, por 96 a 78. Marcelinho Huertas fez cinco pontos e deu seis assistências. Apesar do revés, a equipe do experiente armador brasileiro continua na liderança do Grupo A da Champions League de basquete. São dez pontos ganhos, quatro vitórias e duas derrotas, e a classificação para a fase eliminatória

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Para fechar a jornada dos brasileiros, a ala Isabela Ramona anotou um duplo-duplo, com 13 pontos e 11 rebotes, no revés do Montana 2003 para o Orlovi, da Bósnia, por 69 a 64, em partida pela Liga WABA (Associação Adriática de basquete feminino). O clube da atleta da seleção brasileira, medalha de ouro nos Jogos Pan-Americanos de Lima-2019, é o terceiro colocado na competição, com 13 pontos, cinco vitórias em oito jogos.

Mais em Basquete