Siga o OTD

Basquete

Início arrasador deixa Corinthians a uma vitória do título

Com uma vitória de 88 a 74, fora de casa, Corinthians sai na frente do Botafogo na final da Liga Sul-Americana de basquete masculino

Corinthians x Botafogo no basquete masculino
arquivo

Arrasador nos dois primeiros quartos, quando chegou a abrir 22 pontos de vantagem sobre o Botafogo, o Corinthians saiu na frente na final da Liga Sul-Americana com uma vitória por 88 a 74 em plena Arena Carioca, no Rio de Janeiro. Com o resultado, o Timão fica perto do título, já que terá duas chances em casa, no ginásio Wlamir Marques, no Parque São Jorge, para ficar com o título. O próximo duelo será na quinta-feira. Se perder, a equipe paulista terá mais uma oportunidade em casa de ser campeã na sexta-feira.

+INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE

A intensidade do Corinthians no começo da partida surpreendeu o Botafogo, que não conseguiu ter nem um pouco do controle do jogo nos primeiros minutos do duelo. Forte na defesa e matador no ataque, o Timão foi abrindo vantagem comandado por David Nesbitt.

Cometendo erros forçados pela excelente atuação da defesa corintiana, o Botafogo pontuou muito pouco e viu o Corinthians terminar o primeiro quarto 15 pontos na frente: 27 a 12.

A atuação do time deixou o técnico Léo Figueiró irritado. O treinador do Botafogo passou a cobrar energicamente seus jogadores, que melhoraram o desempenho no segundo quarto, mas não foram capazes de parar os corintianos.

A atuação do Timão nos dois primeiros quartos da partida foi quase perfeita. O aproveitamento foi impressionante. Nas bolas de dois pontos, o Corinthians acertou 13 de 15 tentativas (86%). Nas bolas de três, foram oito acertos em 12 arremessos (66%).

Com a defesa forte e a mão calibrada, o Corinthians foi para o intervalo vencendo por 56 a 34. Nesbitt, com 15 pontos e sete rebotes, era o cestinha do jogo, acompanhado por uma atuação impecável de Arthur Pecos, que acertou todos os arremessos que fez nos dois primeiros períodos da decisão.

Com 22 pontos de desvantagem, o Botafogo voltou para o tudo ou nada no terceiro período. Com uma defesa mais agressiva, a equipe carioca conseguiu desequilibrar o ataque corintiano. Nesbitt e Arthur Pecos já não pontuavam mais como no início e a diferença foi caindo. A situação do Timão só não piorou porque Kyle Fuller brecou algumas vezes a reação botafoguense acertando algumas bolas de três pontos.

Apesar disso, o Botafogo reduziu, no terceiro quarto, de 22 para 13 pontos a diferença corintiana e foi para os dez minutos finais perdendo por “apenas” 67 a 54. Mas a reação parou por aí. O Alvinegro da Estrela Solitária voltou a sofrer com a defesa corintiana e ficou mais de quatro minutos sem acertar a sexta no começo do último período. Assim, o Timão voltou a colocar 19 pontos de vantagem (73 a 54).

Com a reação botafoguense devidamente brecada, o Corinthians, mesmo perdendo Nesbitt com a quinta falta no meio do quarto, controlou o placar com tranquilidade até chegar à vitória por 88 a 74. Nesbitt e Fuller terminaram como cestinhas com 18 pontos, um a mais do que Arthur Pecos. Do lado do Botafogo, Cauê, também com 18, e Jamaal, com 16, foram os destaques.

Mais em Basquete