Siga o OTD

Felipe Bardi no Brasileiro Sub-23

Atletismo

Sonho olímpico alimenta Felipe Bardi no início da temporada

Velocista paulista busca índice na prova individual e vaga na equipe do revezamento 4×100 m que vai a Tóquio

Felipe Bardi já começou sua preparação para buscar o índice olímpico (Wagner Carmo/CBAt)

Sonho olímpico alimenta Felipe Bardi no início da temporada

De olho no índice olímpico de 10s05 na prova individual dos 100 m e no sonho de integrar o revezamento 4×100 m do Brasil, um dos favoritos ao pódio nos Jogos de Tóquio-2020, Felipe Bardi dos Santos (SESI-SP) já reiniciou sua preparação para 2021.

Felipe Bardi, líder do ranking sul-americano dos 100 m de 2020, com 10s11, descansou apenas 16 dias após a disputa do Troféu Brasil de Atletismo, disputado de 10 a 13 de dezembro, no Centro Olímpico de Treinamento e Pesquisa, em São Paulo.

O velocista fez o chamado “descanso ativo”, quando o atleta procura fazer exercícios para não perder totalmente a forma física. Ele passou as “férias” na casa de seus familiares, em Americana, e retornou semana passada aos treinamentos em Santo André (SP).

Focado

“Meu plano é me manter entre os melhores do país. Estou correndo atrás do índice, pensando na prova individual primeiro e depois no revezamento”, lembrou o velocista, campeão dos 100 m do GP Brasil, no dia 6 de dezembro, também no Centro Olímpico.

“Quero melhorar ainda mais minha marca, fazer umas competições legais. Não farei uma base longa porque vou participar de competições no primeiro semestre.”

Felipe Bardi no GP Brasil tóquio-2020 índice
Felipe Bardi no GP Brasil (Wagner Carmo/CBAt)

Plano

A temporada será diferente para Felipe Bardi. Ele já está no grupo dos melhores velocistas do Brasil e, se a pandemia não atrapalhar, participará de um Camping de Treinamento organizado pelo COB (Comitê Olímpico do Brasil) e a CBAt (Confederação Brasileira de Atletismo), a partir do dia 28 de janeiro, no Centro Nacional de Desenvolvimento do Atletismo (CNDA), em Bragança Paulista (SP), juntamente com outros atletas convidados.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

No camping, Felipe Bardi terá a companhia do treinador Darci Ferreira e de Erik Felipe Barbosa, seu companheiro de treinamento no Grande ABC.

“Além do camping em Bragança, estão previstos treinos fora do País, o que dará a oportunidade dele participar de provas mais fortes. Nosso objetivo é correr abaixo do índice olímpico e correr ainda melhor e, Tóquio-2020”, comentou Darci. “Quanto ao revezamento 4×100 m temos uma excelente expectativa. Acreditamos que o Brasil tem chances reais de conquistar o ouro em Tóquio.”

Mais em Atletismo