Siga o OTD

Vôlei

Renan liga alerta para jogo com o Canadá: “Não podemos perder”

Renan está suspenso do jogo entre Brasil e Estados Unidos
Divulgação/CBV

Renan dal Zotto sabe da importância da vitória no próximo jogo, enquanto Bruninho aposta na força do grupo: “Nunca foi fácil, para gente é sempre mais dolorido”

A seleção brasileira masculina de vôlei está praticamente classificada para a segunda fase do Campeonato Mundial, que está sendo disputado na Bulgária e Itália. Mas isso ainda é muito pouco. Em um grupo de seis times, quatro avançam de fase, e é essencial que a campanha seja boa, já que os pontos são levados para a próxima etapa. Sabendo disso, o técnico Renan Dal Zotto sabe da importância que será vencer o Canadá na próxima segunda-feira:

“Não temos mais direito a erros, não tem outro resultado a não ser a vitória, não podemos perder – disse.

No momento, o Brasil está em quarto lugar com cinco pontos, atrás de Holanda (seis), França (sete) e Canadá (nove). China e Egito ainda não pontuaram, e não devem ter forças para chegar entre os quatro primeiros. Além da importância de ser o primeiro colocado e levar bons resultados para a próxima fase, o líder pegaria uma chave mais acessível no restante do campeonato, fugindo de times mais tradicionais na segunda etapa.

Veja a tabela do Campeonato Mundial de vôlei

O levantador Bruninho, que tem no currículo três medalhas olímpicas e duas em Campeonatos Mundiais, prefere não pensar em projeções.

“Não dá para ficar pensando lá na frente, perdemos hoje, fazer o que? Não dá para pensar em nada, tem que pensar em jogo a jogo, não tem jogo fácil. Aí depois a gente vê contra quem vai jogar. Nunca foi fácil, para gente é sempre mais dolorido, sofrido, mais uma prova para ver se o grupo é forte para aguentar uma porrada dessa” – disse.

Mais em Vôlei