Siga o OTD

OTD Entrevista

Na torcida pela Seleção, Tiffanny afirma: “queria estar lá”

Na apresentação do Sesi Vôlei Bauru, a oposta Tiffany Abreu falou com exclusividade ao Olimpíada Todo Dia sobre temporada, Seleção Brasileira e carreira. Confira!

Destaque do Bauru na última temporada da Superliga, a oposta TifFany Abreu nunca escondeu a vontade de vestir a camisa verde e amarela. A Seleção Brasileira disputa nos próximos três dias a quarta etapa da Liga das Nações, na China.

+ CONFIRA A TABELA DA LIGA DAS NAÇÕES FEMININA

“Queria estar lá com elas, né? Mas fiz minha cirurgia, estou feliz igual. Vou esperar pra minha próxima oportunidade. Primeiramente, eu tenho que parabenizar a todas elas. Tandara que está fazendo uma Liga maravilhosa. Amanda está fazendo um papel importantíssimo na Seleção agora. A Roberta, que está jogando muito bem como levantadora.”

A Seleção encara nesta terça a China, às 8h30. Depois, Estados Unidos e Rússia. Todas as partidas com torcida ilustre do outro lado da telinha: “Eu não vejo a hora de chegar amanhã para ver esses próximos jogos, porque elas estão jogando muito bem e eu não quero perder nenhum.”

O técnico Zé Roberto Guimarães já deixou clara a possibilidade de convocação de Tifanny. Assim, a oposta reforça o desejo: “Eu acho que é uma vontade de toda jogadora, né? Estar na Seleção, defender o seu país, a bandeira do seu país e todas têm essa vontade, mas quando a gente não está lá a gente está por trás da televisão e dando força.” Mas deixa claro a admiração pelas convocadas: “O Brasil está muito bem servido com as meninas. O Zé Roberto fez um trabalho muito bom com elas e a toda comissão. E eu só tenho que parabenizar por essa Liga maravilhosa que elas estão fazendo.”

Tiffany é a primeira transexual na Superliga Feminina, um marco na história do vôlei brasileiro e garante: ” no dia que der certo, nós vamos.”

Tiffany também comentou sobre outros assuntos com exclusividade ao Olimpíada Todo Dia. Confira na íntegra!

Temporada 2018/2019

“Como eu falei até ano passado mesmo, não adianta nada eu fazer 37 pontos em uma partida e perder o jogo. Eu prefiro fazer 10, outra fazer 10, outra 10, outra 10, e no final a gente sair com a vitória, porque nós somos uma equipe, trabalhamos em equipe, treinamos em equipe, sofremos em equipe, ganhamos em equipe, perdemos em equipe, então de nada vale a derrota e a pontuação alta. Eu prefiro que a gente jogue todas juntas, tenha forças juntas e temos a pontuação dividida. Esse ano vai ser mais dividido o ataque, porque temos atacantes tão fortes quanto eu. Assim será melhor a equipe. Acredito sim que podemos fazer uma liga tão forte e tão boa quanto o Praia, porque são 5 as equipes que montaram muito forte esse ano e nenhuma pode falar essa vai ser favorita. Sim, Praia é favorito porque foi campeão ano passado, mas qualquer uma pode deslanchar e cada ano é um novo jogo, cada equipe uma nova realidade. Assim espero seja nossa também, que a gente possa sair e ganhar alguns também, rs.”

 Temporada 2017/2018

“Eu achei que eu poderia ter dado um pouquinho mais de mim e, as vezes, se a nossa equipe tivesse acreditado um pouquinho mais, não só eu, mas todas as meninas. Nós tentamos o nosso melhor, mas muitas das vezes eu pontuei bastante, mas não chegamos na vitória. Eu tenho um balanço que foi bom, conseguimos chegar nos playoffs, perdemos para a equipe campeã, que era o Praia Clube que é realmente muito bom. Foi um balanço positivo, para que esse ano a gente ganhe essa experiência do ano passado para fazer uma liga muito melhor.”

Elenco Sesi Vôlei Bauru

“A expectativa é muito alta, na verdade. Eu tenho uma expectativa bem alta, porque tem jogadoras experientes, jogadoras de força, jogadoras altas. Estamos montando uma equipe muito alta e nós temos uma levantadora muito boa que é a Fabíola e também temos a Naiane. Então nós temos uma inversão 5 1 muito boa, nós temos titulares boas, nós temos uma líbero boa e temos atacantes muito fortes. Com a chegada da italiana vai ficar uma equipe muito mais alta e uma equipe de muita força. Então podemos jogar tanto no tático com as meninas de recepção, como podemos jogar na força com atacantes mais fortes de extremidades. Isso vai depender do nosso técnico, que eu sei que ele é muito bom e vai mexer bem na equipe para trazer os melhores resultados. E acredito sim que a gente pode conseguir um resultado positivo e alguns campeonatos.”

Cirurgia

“Eu aproveitei para fazer uma cirurgia de feminilização facial, que eu fui patrocinada pela equipe FacialTeam, da Espanha, que é a melhor do mundo em cirurgia de feminilização. Foi a Fernanda, de São Paulo, que entrou em contato comigo e eu aceitei, porque era uma coisa que eu vinha há muito tempo querendo fazer. É algo que nos deixa mais tranquila e eu me sinto mais à vontade agora. Até para jogar quando você não se sente bem com você mesma, né? Você acha que tem alguma coisa de errado. Hoje em dia, eu me sinto tranquila, porque eles fazem apenas uma mudança muito suave no seu rosto, fazendo umas partes que não é tão bonita no seu rosto ficar bem mais feminina. Então quero agradecer a FacialTeam e a Fernanda por essa oportunidade de estar aqui e fazer uma liga melhor e mais tranquila também. Até mesmo quando tiver televisão, né? Quando tem televisão você já pensa que tem que maquiar inteira. Agora fico mais tranquila.”

Recuperação

“Eu estou há três semanas da cirurgia. O pós operatório foi bem tranquilo, não é nada difícil, eu só temos que seguir umas regrinhas. Com mais duas semanas eu já começo os treinamentos normais. Com um ano só que vai ver a diferença total, porém agora já se nota que tem algumas partes inchadas ainda, mas que com um ano vai estar tudo perfeito. Daqui dois meses já vai estar tudo perfeito e com um ano o resultado final.”

Férias

“Aproveitei bastante o meu namorado, porque ele mora na Alemanha, então ele estava de férias, eu também. Ele veio pra cá, depois eu fui pra lá. Então foi muito importante para sarar o corpo, né? Das dores… Agora começar forte de novo a parte de academia, que é para não ter problemas no futuro.”

Objetivos

“Meu objetivo é fazer o meu melhor, ajudar as meninas, receber muito a ajuda delas também. Fazer um trabalho bom em grupo e a gente poder chegar nas finais de alguns campeonatos.”

Carreira

“Eu pretendo jogar no Brasil até me aposentar agora, porque eu fui muito bem recebida também, eu estou do lado da minha família. Fiquei muito tempo fora do país, então pretendo ficar no país até me aposentar do vôlei.”

AGENDA DO DIA

fev 17 05:00 ITF de Sharm El Sheikh Laura Pigossi (BRA) Anna Morgina (RUS) fev 17 06:00 Aberto Europeu de Roma de judô 81kg Leandro Guilheiro fev 17 06:30 Copa Brasil de Marcha Atlética 50km fev 17 07:00 Campeonato Alemão de futebol feminino Borussia Moechengladbach Sand fev 17 07:00 Etapa de Baku da Copa do Mundo de ginástica trampolim Individual feminino – Final fev 17 07:00 Copa da Rainha Atlético de Madrid Barcelona fev 17 07:00 Torneio Strandja de boxe Jucielen Romeu (BRA) Irma Testa (ITA) fev 17 08:00 Torneio Strandja de boxe Lovlina Borgohain (IND) Beatriz Soares (BRA) fev 17 08:30 Campeonato Italiano de futebol feminino Juventus (ITA) Milan fev 17 08:30 Seletiva para o Mundial de tiro com arco paralímpico fev 17 08:45 Copa do Mundo de tiro esportivo paralímpico em Al Ain Carabina deitada 50m mista R9 Alexandre Galgani fev 17 09:00 Etapa de Fortaleza do Circuito Brasileiro Sub-19 de vôlei de praia fev 17 09:00 Etapa de Baku da Copa do Mundo de ginástica trampolim Trampolim Sincronizado – Final fev 17 09:30 Copa da Dinamarca de futebol feminino Sundby Fortuna Hjorring fev 17 10:00 Torneio Strandja de boxe Wanderson Oliveira (BRA) Harrison Garside (AUS) fev 17 10:45 Campeonato Francês de futebol feminino PSG Fleury 91 fev 17 11:00 Superliga de vôlei masculino - Primeira Fase Minas Tênis Clube Sesc-RJ fev 17 11:30 Torneio Strandja de boxe Rashida Ellis (EUA) Beatriz Ferreira (BRA) fev 17 13:00 Campeonato Italiano de vôlei feminino Scandicci (ITA) Monza (ITA) fev 17 13:00 Campeonato Italiano de vôlei feminino Scandicci (ITA) Monza (ITA) fev 17 13:00 Torneio Strandja de boxe Douglas Andrade (BRA) Ramon Quiroga (ARG) fev 17 15:30 Champions League de handebol masculino Barcelona (ESP) IFK Kristianstad (SUE) fev 17 18:00 Torneio Strandja de boxe Abner Teixeira (BRA) Ramazan Muslimov (UCR)

Mais em OTD Entrevista