Siga o OTD

Vôlei

Minas perde do Guangdong na estreia do Mundial de Clubes

Minas faz jogo igual, mas perde para o Guangdong por 3 sets a 1 no primeiro jogo do Mundial de Clubes

Minas e Guangdong no Mundial de Clubes de vôlei feminino
(Foto: Maggie Cheung/arquivo)

O Minas perdeu por 3 sets a 1 para Guangdong da China nesta terça-feira (3) pela primeira rodada do Mundial de Clubes de vôlei feminino. As parciais foram de 25/22, 28/26, 23/25 e 25/22.

O time brasileiro volta à quadra nesta quarta (4), às 6h, contra o Eczacibasi, da Turquia, e depois pega o Imoco Conegliano, da Itália, às 23h de quinta (5). Todos os horários são de Brasília.

+Sueca de 20 anos derruba o Praia Clube na estreia do Mundial

Destaque para a russa Tatiana Kosheleva, do time chinês, que sozinha marcou 28 pontos, sendo 24 deles no ataque. Fez outros três de bloqueio e mais um no saque. A búlgara Dobriana Rabadzhieva marcou mais 15 para o time da casa.

Pelo Minas, destaque para Sheila, com 14 pontos, sendo 12 deles no terceiro e quarto sets. A oposta começou no banco e entrou somente na segunda parcial, em uma inversão de 5/1. Bruna Honório foi a maior pontuadora do time brasileiro com 15.

Coletivamente o Minas se destacou no bloqueio, com 13 pontos, mas também errou demais. Cedeu 26 pontos para as rivais.

Páreo duro

O time chinês começou com mais intensidade e abriu logo 5 a 1 no primeiro set. Aos poucos o Minas foi entrando no jogo até conseguir encostar no marcador e, com uma sequência de saques de Bruna, passou no 19 a 17. O Guangdong, porém, se recuperou e com Kosheleva começando a roubar a cena fechou no 25 a 22.

Na segunda parcial o Minas entrou no ritmo que a partida exigia e dividiu o set ponto a ponto com o Guangdong, que só abriu uma vantagem no 16 a 12.

Logo o Minas já estava de volta para o duelo, encostando no 21 a 20. Dali em diante os times foram trocando pontos até que o Guangdong fechou no 28 a 26, mais uma vez com Kosheleva colocando tudo em quadra.

Bruna no Minas e Guangdong pelo Mundial de Clubes de vôlei feminino
Bruna foi a maior pontuadora do Brasil (FIVB)

Tudo ou nada

Precisando vencer para se manter no jogo, o Minas começou abrindo 4 a 1 no terceiro set. O Guangdong não se abalou e em cinco pontos seguidos se impôs com 6 a 4 no marcador. O time chinês cresceu mais e levou a distância para 12 a 6, deixando as brasileiras em cheque na partida.

Aí começou a aparecer a oposta Sheila virando bolas importantes e ajudando no bloqueio e no saque. O time cresceu e em uma sequência de Carol Gataz no saque o Brasil marcou sete pontos seguidos, saindo de 15 a 9 contra para a virada no 16 a 15.

O Guangdong se recuperou e o jogo ficou tenso. Do lado do Minas, Sheila já tinha oito pontos somente na terceira parcial. Do lado de lá da rede, Kosheleva já havia ganhado um set sozinha.

No final, a brasileira virou um contra-ataque importantíssimo em um rally que teve uma defesaça da Leia e impediu o set point para o Guangdong. A seguir, um erro no levantamento delas e um bloque espetacular de Thaísa, o Minas fechou em 25 a 23.

O quarto set continuou bem equilibrado, com os times seguindo lado a lado até a reta final. Rabadzhieva virou um contra-ataque importante e fez 22 a 19.

+INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE

O Minas não se entregou e colou de volta no 22 a 21 depois de uma defesa espetacular de Leia que Carol Gataz aproveitou explorando o bloqueio. O técnico do Guangdong, porém, desafiou e reverteu a marcação, para revolta do banco brasileiro. A seguir Rabadzhieva colocou o set point na quadra, no 24 a 20 e elas fecharam no 25 a 22.

Minas no Mundial de Clubes

3/12 – 6h – Guangdong Evergrande x Itambé/Minas – Shaoxing
4/12 – 6h – Eczacibasi x Itambé/Minas – Shaoxing
5/12 – 23h – Itambé/Minas x Imoco Conegliano – Shaoxing

Mais em Vôlei