Siga o OTD

Vôlei

Brasil vence Egito e lidera a Copa do Mundo de vôlei masculino

Seleção brasileira bate o Egito por 3 a 1, vence a terceira seguida e passa a ser a única equipe invícta na Copa do Mundo

Leal e Salah na Copa do Mundo de vôlei masculino
Divulgação/FIVB

O Brasil venceu o Egito por 3 sets a 1 nesta sexta-feira e assumiu a liderança isolada da Copa do Mundo de vôlei masculino. Foi a terceira vitória seguida da seleção no campeonato, que agora passa a ser a única que permanece com 100% de aproveitamento. As parciais foram de 25/19, 21/25, 25/19 e 25/22.

Leal, desta vez, foi o maior pontuador do jogo com 22, sendo 18 no ataque e três no bloqueio. Alan, principal marcador do Brasil no campeonato, contruibuiu com mais 20. Lucão mais uma vez ‘jogou de terno’, apareceu nos momentos mais importantes e deixou 14 pontos na quadra, três deles em bloqueios e outros dois no saque.

“Conseguimos os três pontos diante de um time que fez uma excelente partida. Eles começaram de forma brilhante a competição e sabíamos que seria um jogo muito complicado. Agora é pensar na partida de amanhã e sabemos que cada jogo conta muito. Temos que encarar sempre como uma grande final. Hoje estamos felizes pela vitória sobre o Egito, que vem fazendo uma excepcional Copa do Mundo”, avaliou o técnico Renan.

A próxima partida do Brasil é a última em Nagano, contra a Rússia. Será na madrugada desta sexta-feira (4) para sábado, às 2h, e você acompanha ao vivo aqui pelo Olimpíada Todo Dia. Depois a seleção viaja para Hiroshima, onde enfrentará as seleções do Irã, Argentina, Estados Unidos, Tunísia, Polônia, Japão e Itália.

+ Confira tabela, agenda e resultados da Copa

Brasil faz a trinca

O jogo começou com muita paulada de lado a lado. Assim os times foram virando e caminhando juntos no placar até que uma sequência de Alan, Leal e Lucão deu uma vantagem para o Brasil. O Egito ainda se manteve vivo até a reta final, mas a seleção brasileira desgarrou no 23 a 18. Alan anotou o set point e Leal matou no saque.

Os egípcios voltaram inteiros para o segundo set, que também começou bem equilibrado. E assim continuou, com diversas trocas no comando do placar. Na segunda metade da parcial o Egito cresceu com Salah virando tudo, ensaiou abrir frente e conseguiu até marcar o 25 a 21. Foi o primeiro set perdido pelo time brasileiro na Copa do Mundo de vôlei masculino.

A seleção brasileira não sentiu e voltou melhor no terceiro set. Já assumiu o comando do marcador logo no 4 a 2, foi a 10 a 5 e abriu sete no 16 a 9. Na volta da parada técnica, os africanos reagiram e encostaram no 17 a 14. Aí Lucão apareceu e recolocou o Brasil nos trilhos com duas bolaças. Leal e Alan encerraram o serviço.

Detalhe para uma recepção de Alan com os pés no final da parcial. Colocou na mão de Bruninho com um toquinho de pé direito de dar inveja a muito boleiro. “Foi um lance um pouco diferente, que não estamos muito acostumados a ver no vôlei. Eu vi que a bola ia dentro, botei o pé e deu tudo certo. Foi na mão e conseguimos rodar”, contou Alan.

No quarto set o Egito parecia entregue quando chegou a ficar quatro pontos atrás no 9 a 5. Mas eles reagiram, colaram no 14 a 13 e engrossaram até o final. Com calma e paciência, a seleção fechou o jogo com Leal, o nome da partida. Ele precisou bater duas para vencer o bloqueio Egípcio, mas colocou no chão e garantiu a vitória para o Brasil.

+ Inscreva-se em nosso canal no YouTube

Brasil na Copa do Mundo

Na Copa do Mundo, o Brasil estará com os levantadores Bruninho e Fernando Cachopa; os opostos Alan e Felipe Roque; os centrais Lucão, Maurício Souza, Isac e Flávio; os ponteiros Lucarelli, Leal, Douglas e Maurício Borges, e os líberos Thales e Maique.

A Copa do Mundo será a quinta competição da seleção brasileira masculina nesta temporada 2019. Antes, o Brasil disputou a Liga das Nações, os Jogos Pan-Americanos, o Pré-Olímpico e o Campeonato Sul-Americano.

Mais em Vôlei