Siga o OTD

Vela

Só Marco Grael e Gabriel Borges competem em Auckland

Primeiro dia do Mundial da Classe 49er, na Nova Zelândia, não teve regatas para os outros três barcos brasileiros

Martine/Kahena e Grael/Borges garantem vagas em Tóquio
(Jonne Roriz/COB/arquivo)

Somente a classe de Marco Grael e Gabriel Borges foi para a água no primeiro dia do Mundial da Classe 49er de vela. Um mal tempo, com ventos de até 37 nós, atingiu a área de provas em Auckland, Nova Zelândia, impedindo que as outras duas também começassem suas respectivas competições.

Marco Grael e Gabriel Borges ficaram em décimo lugar na primeira regata da 49er e em segundo na segunda. Assim, somam 12 pontos perdidos e estão na 12ª colocação geral do campeonato. Em primeiro estão os alemães Erik Heil e Thomas Ploessel, que venceram a segunda regata e ficaram em segundo na primeira.

Os atuais campeões olímpicos Peter Burling e Blair Tuke, dali mesmo da Nova Zelândia, foram os ganhadores da primeira regata do Mundial da Classe 49er, mas depois ficaram apenas na 11ª colocação. Estão com os mesmos 12 pontos perdidos de Marco Grael e Gabriel Borges.

+INSCREVA-SE EM NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Mais Brasil

Outras três embarcações brasileiras estão competindo no Mundial da Classe 49er, mas não foram para a raia por conta do mau tempo. As campeãs olímpicas Martine Grael e Kahena Kunze estão na 49erFX e, na Nacra 17, estão as duplas João Bulhões e Isabel Swan e também Samuel Albrecht e Gabriela Nicolino.

Os quatro times competiram nesta mesma raia na semana passada, no Campeonato da Oceania de Vela, como preparação para o Mundial.

Mais em Vela