Siga o OTD

Taekwondo

São Paulo e Goiás vencem Brasileiro no Parque Olímpico

Satiro Sodré/SSPress/CBTKD

No último dia do Campeonato Brasileiro de Taekwondo, São Paulo e Goiás levam a melhor no Parque Olímpico, no Rio de Janeiro. Confira!

A 46ª edição do Campeonato Brasileiro Adulto e 6º do Master de Taekwondo ficaram marcados não somente pelos títulos e novos campões, mas também pela estreia de campeonatos nacionais da modalidade no Parque Olímpico do Rio de Janeiro. As competições, disputadas simultaneamente, reunirão cerca de 300 atletas neste final de semana (dia 11 e 12), na Arena Carioca 1. Na categoria adulta, a seleção de São Paulo levou a melhor. No master, Goiás foi o estado vencedor.

+ O PRIMEIRO DIA DE COMPETIÇÃO

A equipe de São Paulo conquistou o título, tendo a seleção do Rio Grande do Norte na segunda colocação e Santa Catarina na terceira. Na pontuação do Master a equipe de Goiás levou a melhor e contou com o time de São Paulo na segunda colocação e do Rio de Janeiro com a terceira posição.

Entre os adultos, Nivea Maria Barros conquistou seu primeiro título brasileiro adulto, com 20 anos, entre as atletas da categoria até 49 quilos. Com a vitória de Nivea, o Rio Grande do Norte chegou à soma da terceira conquista de ouro somente nesta etapa.

– A competição foi muito boa, com nível alto e bem organizada. Fiz três e consegui conquistar o título, logo depois das finais das meninas de Natal, e conseguimos alcançar o objetivo da equipe. Tive mais dificuldades em pontuar, mas vou buscar treinar mais para melhorar. A temporada está sendo excelente pra mim, conquistei a prata no Argentina Open e bronze no Pan-Americano Aberto, e só tenho a agradecer a Deus e a CBTKD que está fazendo um trabalho excelente para nós atletas – analisou Nivea Barros.

Na parte da tarde, os homens da categoria adulta encerraram a edição 2018 do brasileiro com combates de níveis técnicos elevados. Na última luta, entre taekwonditas pesos pesados, acima de 87 quilos, Gabriel Demetrius, do Distrito Federal, levou a melhor e sagrou-se campeão.

– Conhecia a maioria dos adversários, sabia que seriam lutas fortes e me preparei para eles. Fui o único que fiz quatro lutas, mas com estratégia fui controlando para chegar bem na final e deu certo. Competir na Arena foi excelente, com uma energia incrível. Poder vencer aqui foi emocionante e prazeroso – comentou Gabriel Demetrius.

Durante o Campeonato Brasileiro os atletas e o público puderam conhecer um pouco mais sobre a história do Taekwondo com a exposição do Roberto Cardia, localizada no primeiro piso da Arena, assim como outras atrações para melhor receber os taekwondistas.

Mais em Taekwondo