Siga o OTD

Taekwondo

Paulo Ricardo Melo conquista a medalha de bronze no Mundial

Brasileiro acabou sendo derrotado por sul-coreano na semifinal da competição e conquista a primeira medalha do país.

Satiro Sodré/SSPress/CBTKD

No segundo dia de Campeonato Mundial de Taekwondo, Paulo Ricardo de Melo conquistou a medalha de bronze, da categoria até 54 quilos, e escreveu de vez seu nome na história do esporte brasileiro. A Arena Manchester, na Inglaterra, foi o palco da 15ª medalha do Brasil em campeonatos mundiais, conquistada nesta quinta-feira, dia 16/5.

Com 22 anos e estreando em campeonatos mundiais, Paulo Ricardo Melo venceu as quatro primeiras lutas até chegar à semifinal, contra Jun Seo Bae, e garantir a medalha de bronze.

O coreano impôs forte ritmo logo no início e mesmo com boas respostas o placar do primeiro round terminou 15 a 8 para Jun Seo. O combate teve fim ainda no segundo período de luta, quando o placar marcava 34 a 18 a favor do coreano, e o arbitro geral marcou a décima falta de Paulo Ricardo, número máximo de infração por combate.

– Não venci na semifinal, mas estou muito feliz com essa medalha, em minha primeira participação no mundial. Agradeço todos que torcem pelo meu sucesso e a Confederação, por toda preparação que tivemos. A comissão técnica que não mede esforços pra conquistarmos os melhores resultados. Dedico essa medalha especialmente a minha mãe, Maria Neide, e minha irmã, Paula Crisitina, que inclusive está fazendo aniversário hoje. Assim como ao trabalho do meu professor Fábio Lourenço e a torcida que acompanhou todos os momentos.  Agora a torcida continua com os brasileiros que vão entrar em quadra nos próximos dias, continuem mandando energia positiva que virão mais medalhas – comentou Paulo Ricardo.

Paulinho venceu na estreia o neozelandês Cole Krech-Watene, por 25 a 2. Na sequência bateu Heiner Oviedo, da Costa Rica, e Seiya Higashijima, do Japão. A vaga na semifinal veio da vitória do brasileiro contra Bailey Lewis, da Austrália.

– Enfrentamos adversários fortíssimos, mas ele lutou com muita propriedade. Executou tudo que lhe foi passado e demonstrou muita confiança e precisão nos comandos, vencendo todas as lutas com um placar alto! Contra o “fortíssimo” coreano não conseguimos encontrar o tempo exato para encaixar os chutes. Paulo vem evoluindo muito e com certeza, se continuar o trabalho duro que vem realizando, conquistará varias outras medalhas para o nosso país. Ressalto também todo o trabalho que foi realizado em conjunto com a excelente analista de desempenho da Seleção Brasileira, Paula Avakian e meu irmão, Reginaldo dos Santos, também técnico da Seleção. Estudamos os adversários que encontraríamos e conseguimos elaborar estratégias. Todos contribuíram para que as informações chegassem de forma rápida, para que assim pudéssemos estar um passo a frente- analisou Clayton dos Santos, treinador da deleção brasileira.

Nascido em Assú, no interior do Rio Grande do Norte, onde treina e mora até hoje, Paulo Ricardo iniciou na modalidade em 2009, no projeto social “Projovem”, com treinador Fabio Lourenço, que comentou sobre o início do trabalho dos dois.

“O projeto era voltado para ações socioeducativas e depois de seu destaque levei-o ao Projeto Taekwondo Escola da Associação, equipe de alto rendimento de nossa cidade. No inicio, sua movimentação e velocidade se destacavam, mas tinha muita agressividade e tivemos que moldar. Paulo é um guerreiro, andava quilômetros para buscar patrocínios para suas viagens. Filho de pais separados, morava em bairro de alta vulnerabilidade e de pessoas humildes. Foram anos de trabalho para alcançarmos este resultado, que era uma de nossas metas e sonhos. Me sinto muito realizado”.

Edival Pontes e Gabriele Siqueira também conquistaram vitórias para o Brasil, mas ambos caíram nas oitavas de finais.

Na categoria até 68 quilos, Edival venceu o jamaicano, Brandon Sealy, na estreia, por 30 a 5, e Federico González, do Uruguai, na sequência. Porém, no combate contra o polonês, Karol Robak, o brasileiro não conseguiu assumir a liderança do combate muito disputado, que terminou 25 a 24.

“Estava muito bem para a competição, me sentindo muito confiante e principalmente me senti muito bem preparado psicologicamente, como nunca me senti antes. Fiz uma boa primeira luta e na segunda cansei um pouco, mas consegui vencer. Na terceira me senti muito bem, muito mesmo, mas infelizmente aconteceram alguns erros de arbitragens, que pode acontecer com qualquer um, e eles me atrapalharam um pouco. Consegui virar no final, mas no mesmo tempo levei a virada com um chute na cabeça e tive pouco tempo para buscar a vitória. Saio de cabeça tranquila, de que dei o meu melhor. Agora é colocar a cabeça no lugar novamente e me focar para as próximas disputas”, disse Netinho após as disputas.

Um pouco mais tarde, ainda na mesma categoria, o coreano tricampeão mundial, Dae Hoon Lee caiu na semifinal contra o britânico.

No feminino, Gabriele Siqueira levou a primeira luta contra Mereke Zhunussova, do Cazaquistão, mas ao enfrentar Briseida Acosta, do México, na fase seguinte, não conseguiu avançar, na categoria acima de 73 quilos.

Com a conquista de hoje o Brasil soma 15 medalhas em Campeonato Mundiais, sendo uma de ouro, quatro de prata e dez de bronze. Veja abaixo lista das conquistas.

Na etapa seguinte, sexta-feira, o Brasil contará com os experientes Henrique Precioso (- 74kg) e Talisca Reis (- 49kg), ambos competindo em mundiais pela quarta vez. Além da estreante e caçula da equipe, Sandy Macedo (- 57kg).

Nona colocada no ranking mundial, Talisca Reis enfrentará a vencedora do confronto entre Abishag Semberg (ISR) e Anna Haddad (LBN).

Já o atleta mais experiente da equipe, com 35 anos, Henrique fará seu primeiro combate contra Muhammad Zuber, da Malásia.

Sandy Macedo, medalha de bronze nos Jogos Olímpicos da Juventude – Buenos Aires 2018, irá encarar Anna Maria Antoniou (CYP) em seu primeiro combate.

O evento segue até domingo, dia 19/5. Os combates decisivos serão transmitidos pelo canal Sportv, a partir das 15h. Antes disto, às 5h30, no horário de Brasília, têm início a primeira fase da etapa, com transmissão online pelo canal da Federação Internacional.

AGENDA DO DIA

maio 27 03:30 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Pistola de 25m feminina – Estágio de Tiro Rápido Tatiana Cruz maio 27 03:30 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Pistola de 25m feminina – Estágio de Tiro Rápido Thais Moura maio 27 03:30 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Pistola de 25m feminina – Estágio de Tiro Rápido Rachel Silveira maio 27 03:30 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Pistola de 25m feminina – Estágio de Tiro Rápido Ana Luiza Lima maio 27 03:45 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Pistola de Ar 10m masculina Philipe Severo maio 27 03:45 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Pistola de Ar 10m masculina Felipe Wu maio 27 03:45 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Carabina 3 posições masculina – Dia 2 Luiz Guilherme Veloso maio 27 03:45 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Carabina 3 posições masculina – Dia 2 Leonardo Moreira maio 27 03:45 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Carabina 3 posições masculina – Dia 2 Eduardo Sampaio Gonçalves maio 27 03:45 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Carabina 3 posições masculina – Dia 2 Cassio Rippel maio 27 05:00 ITF de Essen Michele Erkens (ALE) Nathaly Kurata (BRA) maio 27 07:30 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Carabina 3 posições masculina – Final maio 27 08:15 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Carabina de Ar 10m masculina – Final maio 27 09:15 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Pistola de Ar 10m masculina – Final maio 27 10:45 Etapa de Munique da Copa do Mundo de tiro esportivo Pistola de 25m feminina – Final maio 27 13:30 Convocação da Seleção Brasileira de judô para os Jogos Pan-Americanos

Mais em Taekwondo