Siga o OTD

Paralímpicos

Circuito Brasil inicia 2020 com etapa regional em Brasília

Principal competição paralímpica do calendário nacional começa na próxima semana com mais de 500 atletas e se estenderá até novembro com treze etapas

Circuito Brasil
(Foto: Daniel Zappe/Exemplus/CPB)

O Circuito Brasil de atletismo, halterofilismo e natação inicia a temporada 2020 na próxima semana em Brasília com a etapa Regional Centro-Leste que contará com 527 atletas, 10 estados e o Distrito Federal, das três modalidades.  

O Circuito Brasil é organizado pelo Comitê Paralímpico Brasileiro (CPB) desde 2005. Este é o mais importante evento paralímpico nacional de atletismo, halterofilismo e natação. Composto por quatro fases regionais e duas nacionais, tem como objetivo desenvolver as práticas desportivas em todos os municípios e estados brasileiros, além de melhorar o nível técnico das modalidades e dar oportunidade para atletas de elite e novos valores do esporte paralímpico do país, a partir dos 14 anos.

+ INSCREVA-SE NO NOSSO CANAL NO YOUTUBE

Em 2019, o Circuito Brasil reuniu mais de 2.000 atletas de todo o país.  A etapa de Brasília recebe atletas da região Centro-Oeste, de Minas Gerais e de três estados do Norte (AC, RO, TO). O número de inscritos deste ano significa um aumento de 30% na etapa Centro-Leste em relação ao ano passado, que foi realizada em Uberlândia (MG).

As disputas contarão com a participação do nadador Ruan Souza, bronze no revezamento 4x100m medley 34 pontos nos Jogos do Rio 2016, e a halterofilista Tayana Medeiros, medalha de prata nos Jogos Parapan-Americanos de Lima 2019. 

Logo após a fase regional do Circuito Brasil de Brasília, Vitória, no Espírito Santo, receberá a regional Rio-Sul, que contará com disputas de atletismo e natação (7 e 8 de fevereiro). Recife sediará a etapa Norte-Nordeste com as três modalidades (14 e 15 de março). A quarta e última etapa regional acontece no CT Paralímpico, em São Paulo (4 e 5 de abril). 

Os atletas que alcançarem os índices estabelecidos pelo departamento técnico do CPB nas regionais garantem participação nas etapas nacionais do Circuito Brasil.

 “Estamos em ano de Jogos Paralímpicos e muitos atletas chegam ao melhor de sua forma nesta temporada. Acreditamos que o Circuito, que já é uma tradição no movimento paralímpico nacional, seja disputado em seu mais alto nível”, concluiu o diretor técnico do CPB, Alberto Martins.

Mais em Paralímpicos