Siga o OTD

Natação

Thiago Simon e Felipe França são os primeiros brasileiros a garantir vaga no Mundial

Thiago Simon e Felipe França, ambos do Corinthians, foram os dois primeiros nadadores do Brasil a carimbar o passaporte para o Mundial de piscina curta, que será disputado em dezembro em Windsor, no Canadá. Os dois superaram o tempo determinado pela Fina na final dos 200m peito do Troféu José Finkel. Simon venceu a prova com 2min02s59, novo recorde sul-americano, enquanto França ficou sem segundo com 2min03s49.

“Esta piscina é muito boa e nado bem em piscina curta. Aproveitei isso. Após os Jogos, meu treino subiu em quatro semanas e deu este resultado. Estou me sentindo bem. Agora, após uma semana de folga, vou treinar bastante pro Mundial, pois esta marca é forte e pretendo fazer bonito lá”, afirmou Simon, bastante animado depois da prova.

Felipe França também estava empolgado, já que a prova em que conseguiu a classificação nem é sua preferida no nado peito. “Vou treinar o melhor possível, fazer uma boa temporada pós-olímpica e ir em busca de minhas melhores marcas. Quero vencer os 50m e os 100m peito e bater o recorde mundial dos 50m. E ainda um pódio nos 200 peito. Sempre temos uma “gordurinha” pra tirar de uma competição como as Olimpíadas, ver onde acertou e errou, pra aproveitar para as próximas competições”, acredita.

Nas outras provas da noite, não houve índice para o Mundial, mas mais três recordes sul-americanos foram derrubados: nos 100m medley com Joanna Maranhão, do Pinheiros, que cravou 1min00s21, Lucas Knieski, do Minas Tênis Clube, que marcou 14min40s31 nos 1500m livre e a argentina Julia Sebastian, da Unisanta, que fez 2min02s28, superando em quatro centésimos o tempo que era dela mesmo, obtido em 2014.

Já a prova mais equilibrada foi o 100m medley masculino. Thiago Pereira venceu, mas chegou apenas 0s06 a frente de Nicolas Oliveira. Nos 100m borboleta, Daiene Marçal, que pela manhã bateu o recorde do campeonato, não conseguiu repetir o mesmo desempenho, mas mesmo assim conseguiu a vitória. Na versão masculina da prova, Nicholas Santos ficou com a medalha de ouro.

Depois do segundo dia de competições no Troféu José Finkel, o Campeonato Brasileiro absoluto de natação, o Pinheiros segue na liderança com 777 pontos, seguido pelo Minas Tênis Clube, que tem 682, do Corinthians, que soma 550, e da Unisanta, quarta colocada com 471.

O Troféu José Finkel é a única seletiva da natação brasileira para o Mundial do Canadá. A competição será disputada até sábado no clube Internacional de Regatas, em Santos.

3ª etapa – Dia 14/9 – 4ª feira  (eliminatórias: 10h / finais: 18h30)

400m medley F e M / 50m livre F e M / 800m live F / 4x200m livre M e F

4ª etapa – Dia 15/9 – 5ª feira (eliminatórias: 10h / finais: 18h30)

200m borboleta M e F / 100m peito M e F / 800m livre M / 4x100m livre F e M

5ª etapa – Dia 16/9 – 6ª feira (eliminatórias: 10h / finais: 18h30)

200m medley F e M / 50m borboleta F e M / 400m livre F e M / 50m costas F e M 4x50m livre misto

6ª etapa – Dia 17/9 – sábado (eliminatórias: 10h / finais: 18 horas)

100m livre F e M / 50m peito F e M / 200m costas F e M / 4x100m medley F e M

Mais em Natação