Siga o OTD

Natação

Etiene Medeiros faz clínica com Pernille Blume em Singapura

Divulgação

Após a Etapa da Copa do Mundo de Singapura, Etiene Medeiros foi convidada para fazer uma mini clínica ao lado da dinamarquesa Pernille Blume, medalha de ouro nos 50m livre nas Olimpíadas do Rio, em uma escola local.

O pioneirismo de Etiene Medeiros foi além-mar. A viagem para as Etapas da Copa do Mundo do Japão e Singapura marcou a nadadora brasileira: reconhecimento pelo trabalho e pelos resultados conquistados no último ciclo olímpico alçando a atleta e seu técnico, Fernando Vanzella, definitivamente no cenário internacional.

Antes da Etapa do Japão, a pernambucana ao lado do treinador brasileiro ministrou palestra no Japan Institute of Sports Sciences (JISS) local onde a equipe do SESI-SP fez aclimatação. Neste período no JISS seis nadadoras da seleção japonesa treinaram com a equipe brasileira onde puderam ver de perto toda rotina de treinamento de Vanzella com sua equipe, cumprindo inclusive toda a programação de treino proposta pelo treinador brasileiro.

Após a Etapa da Copa do Mundo de Singapura, Etiene foi convidada para fazer uma mini clínica ao lado da dinamarquesa Pernille Blume, medalha de ouro nos 50m livre nas Olimpíadas do Rio de Janeiro (onde Etiene foi a oitava colocada na grande final) em uma escola local (Eagles Swin Club) com trinta atletas.

“Um super reconhecimento, quando recebi o convite fiquei muito animada com essa possibilidade de encontrar esses nadadores. Mais feliz ainda por ter o Vanzella ao meu lado nesse momento, me apoiando. Por que o resultado não é só meu, é dele também. Estamos em uma fase boa e o ano ainda não acabou. Temos o Open e o Mundial Militar”, declarou Etiene.

Para a pernambucana, um momento único em sua carreira e para a dobradinha Etiene/Vanzella (estão juntos desde 2013 quando a atleta chegou ao SESI-SP). “Foi uma oportunidade única, é um reconhecimento que eu e o Vanza estamos tendo internacionalmente. Temos uma imagem muito positiva aqui fora e mais uma vez provamos isso junto com o Renato Balan (outro técnico do SESI-SP que nos acompanhou na clínica). Só tenho a agradecer por isso estar acontecendo. E poder dividir esse momento ao lado de uma campeã olímpica”, acrescentou. “Agora é voltar para o Brasil. Iremos treinar em São Paulo e depois já partimos para o Rio de Janeiro, para a disputa do Open. São duas semanas intensas”, concluiu a campeã mundial.

Etiene Medeiros e Vanzella satisfeitos com os resultados fora do Brasil

Os resultados na Etapa da Copa do Mundo do Japão e Singapura também foram comemorados. Em Tóquio, Etiene caiu na água para os 50m costas e revezamento 4x50m misto, 50m livre e 100m borboleta; já em Singapura voltou a nadar os 100m costas e 100m livre.

“Ter acabado a competição (Singapura) nadando os 100m costas depois de quase um ano e meio sem nadar essa prova foi muito bacana que, automaticamente veio um nervosismo uma ansiedade bacana. Pela manhã nadei na casa dos 58s que foi muito bom e a tarde 57s99, foi bem boa essa marca, eu e o Vanza ficamos bem contentes. Feliz em voltar a motivação dentro e fora da água, de estar entre as melhores, agora com um outro olhar nas competições”, analisou.

Em Tóquio Etiene Medeiros foi medalha de prata nos 50m costas; 6º lugar nos 50m livre (tempo de 24s37) e bronze no revezamento 4×50 medley misto (perdendo no finalzinho a prata para a equipe dos USA); em Singapura foi 5ª colocada nos 100m costas (tempo de 57s99), prata no revezamento 4×50 medley misto e nos 100m livre ficou como 2ª reserva.

“Saldo positivo dessas duas etapas. Primeira vez que faço essas etapas juntas e foi bem diferente para mim, por que primeiro fomos para um treinamento no Japão, depois competimos em Tóquio e depois viemos para Singapura. Foi bom sair da rotina do Brasil. Estar aqui e ver a realidade dos outros atletas foi muito importante para esse momento de retomada de ciclo olímpico. Estamos sempre em busca de aprimorar os conhecimentos”.

O técnico Fernando Vanzella também come”As etapas foram muito boas, com resultados muito importantes e positivos. Etiene nadando para 57s de novo os 100m costas. Estamos voltando bem motivados para essa reta final de ano e para 2018″, analisou treinador.

Próxima competição: Open no Rio de Janeiro

Voltando ao Brasil, Etiene Medeiros e a equipe do SESI-SP treinam na Vila Leopoldina no início da próxima semana e já embarcam rumo ao Rio de Janeiro. A nadadora participa entre os dias 06 e 09 de dezembro do Torneio Open Correios no UNIFA (RJ).

Mais em Natação