Siga o OTD

Masculino

Jogos Pan-Americanos – Lima 2019 – Triatlo – Masculino

Chances do Brasil

Delegação brasileira já em preparação na capital peruana

Mesclando juventude e experiência, o Brasil terá uma equipe forte para os desafios em Lima 2019 e deve brigar forte pela medalha de ouro. Diogo Sclebin (tetracampeão sul-americano em março), Manoel Messias (tricampeão pan-americano sub-23 em maio) e Kauê Willy (segundo lugar na etapa de Monterrey da Copa América também em maio) registram resultados importantes na temporada e chegam com moral para os Jogos Pan-Americanos. No ano passado, encarando possíveis adversários que encontrarão na capital peruana, Messias e Willy terminaram no pódio com medalhas de ouro e bronze da categoria nos Jogos Sul-Americanos de Cochabamba 2018, respectivamente.

Local da competição

Playa de Agua Dulce
Local: Lima

A estrela dos Jogos

Os Estados Unidos lideram o quadro geral de medalhas no masculino. Além disso, o país conta com Hunter Kemper como o triatleta de melhor desempenho no Pan. Depois de ficar no ‘quase’ em Winnipeg 1999 e levar a prata, ele voltou com tudo e não deu chances aos rivais em Santo Domingo 2003, faturando o primeiro título estadunidense no torneio. Sem contar as duas campanhas importantes no evento, Kemper também já conquistou a Copa do Mundo da modalidade em 2005.

Nossos pódios

Reinaldo Colucci cruzou a linha de chegada em primeiro lugar em Guadalajara 2011

Considerando todo o retrospecto, o Brasil já subiu no pódio em quatro oportunidades na categoria masculina de triatlo nos Jogos Pan-Americanos. Até aqui, são duas medalhas de ouro, uma de prata e uma de bronze. Leandro Macedo foi o primeiro brasileiro a conquistar o título com o resultado na edição de Mar del Plata 1995. Mais tarde, Reinaldo Colucci igualou o feito do compatriota em Guadalajara 2011. Para completar, Vigilio de Castilho ficou com o vice-campeonato em Santo Domingo 2003 e Juraci Moreira foi terceiro no Rio de Janeiro 2007.

Medalhistas

ANO Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze
1995 Leandro Macedo
 Brasil
Mark Bates
 Canadá
Oscar Galíndez
 Argentina
1999 Gilberto González
 Venezuela
Hunter Kemper
 EUA
Simon Whitfield
 Canadá
2003 Hunter Kemper
 EUA
Vigilio de Castilho
 Brasil
Oscar Galíndez
 Argentina
2007 Andy Potts
 EUA
Brent McMahon
 Canadá
Juraci Moreira
 Brasil
2011 Reinaldo Colucci
 Brasil
Manuel Huerta
 EUA
Brent McMahon
 Canadá
2015 Crisanto Grajales
 México
Kevin McDowell
 EUA
Irving Pérez
 México

Quadro de Medalhas

Posição País Ouro Prata Bronze Total
1  EUA 2 3 0 5
2  Brasil 2 1 1 4
3  México 1 0 1 2
4  Venezuela 1 0 0 1
5  Canadá 0 2 2 4
6  Argentina 0 0 2 2

O esporte

Para as competições de triatlo, a prova tem início com todos os atletas alinhados na marca de partida. Após autorização, eles correm em direção à água, onde ocorre a modalidade de natação. Ao cumprirem a fase de natação, os competidores avançam para a próxima etapa, de ciclismo. Uma vez terminada a fase de ciclismo, os atletas percorrem o último trecho da prova através de corrida.

Entre as mudanças de modalidade, ocorrem as chamadas “transições” em pontos já determinados no percurso. A primeira transição (T1) acontece quando os atletas terminam a fase de natação e dão início ao ciclismo. Nesse momento, eles se desfazem dos equipamentos de nado (touca, óculos de mergulho e roupa especial). Antes de subir na bicicleta, o competidor deve, obrigatoriamente, colocar o capacete. Caso ele não cumpra tal regra, recebe uma punição. A segunda transição (T2) ocorre entre o final da fase de ciclismo e o início da corrida. Os competidores descem de suas bicicletas, se desfazem dos equipamentos e calçam seus tênis de corrida antes de prosseguir. As transições são somadas ao tempo total de prova, por isso, os atletas tentam realizá-las o mais rápido possível. (Reprodução/Regras dos Esportes)

AGENDA DO DIA

dez 15 03:30 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo D Brasil 6 Austrália 9 dez 15 04:50 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo D Uzbequistão 4 Grécia 27 dez 15 06:10 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo B Canadá 7 Espanha 15 dez 15 07:30 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo A Japão 26 África do Sul 11 dez 15 08:00 Campeonato Brasileiro de tênis de mesa Individual Olímpico (sênior, lady e Absolutos). dez 15 08:50 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo C Kuwait 8 Estados Unidos 16 dez 15 10:10 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo B Rússia 9 Hungria 12 dez 15 11:00 Bundesliga de tênis de mesa TTC Zugbrucke Grenzau 1 TTF Liebherr Ochsenhausen 3 dez 15 11:30 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo A Sérvia 11 Croácia 6 dez 15 12:50 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo C Montenegro 12 Itália 12 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei masculino Padova (ITA) 0 Lube Civitanova (ITA) 3 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei feminino Monza (ITA) 1 Busto Arsizio (ITA) 3 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei feminino Novara (ITA) 3 Perugia Volley (ITA) 1 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei feminino Scandicci (ITA) 3 Caserta (ITA) 0 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei masculino Calabria (ITA) 3 Monza (ITA) 2 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei masculino Sora (ITA) 0 Trentino (ITA) 3 dez 15 15:30 Paulista de handebol masculino - Disputa de terceiro lugar Corinthians/Guarulhos 32 CAI/GHC (PI) 27 dez 15 16:00 Brasileiro Sub-16 de futebol feminino - Final São Paulo Santos dez 15 18:00 Paulista de handebol masculino - Final Pinheiros 20 Taubaté/FAB/UNITAU 20 dez 15 18:30 Amistoso de futebol feminino Brasil México dez 15 20:00 Superliga de vôlei masculino - Primeira Fase Sesi Sesc RJ dez 15 20:00 NBA Philadelphia 76ers Brooklyn Nets dez 15 23:00 Mundial da classe finn - Finn Gold Cup Jorge Zarif