Siga o OTD

Carabina 3 posições masculino

Jogos Pan-Americanos – Lima 2019 – Tiro Esportivo – Carabina 3 posições masculino

Calendário e resultados

De acordo com o calendário oficial dos Jogos Pan-Americanos, as competições de tiro esportivo em Lima 2019 acontecerão entre os dias 8 e 10 de agosto.

Chances do Brasil

Apesar de ter tradição na modalidade, o Brasil ocupa apenas a sétima colocação no quadro geral de medalhas do tiro esportivo. A equipe de carabina para os desafios na capital peruana é formada por Cássio Rippel, Jefferson Lima, Leonardo Moreira, Geovana Meyer, Roberta Tesch, Rosane Sibele Budag e Simone Koch. Mesmo não entrando na competição como grande favorita, expectativa é de que a Seleção Brasileira brigue por vaga nas finais e um lugar no pódio.

Local da competição

Base Aérea de Las Palmas

Local: Surco, Lima

A estrela dos Jogos

O estadunidense Jason Parker superou vários compatriotas e alcançou o feito de único tricampeão em todos os tempos no torneio, algo inigualável até hoje. A sequência vitoriosa se iniciou com a medalha de ouro conquistada em Santo Domingo 2003. O retrospecto final foi mantido para o Rio de Janeiro 2007 e Guadalajara 2011, quando Parker novamente reinou na competição.

Nossos pódios

Mesmo com a longevidade da categoria no programa oficial dos Jogos Pan-Americanos, o Brasil só participou do pódio na carabina 3 posições em uma oportunidade. O gaúcho Bruno Heck finalizou a disputa com a terceira colocação geral, faturou a medalha de bronze após o resultado em Guadalajara 2011 e obteve o melhor desempenho do país na história da prova.

Medalhistas

ANO Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze
1951 Arthur Jackson
Estados Unidos EUA
Arthur Cook
Estados Unidos EUA
Julio Silva
Argentina Argentina
1955 Arthur Jackson
Estados Unidos EUA
Pedro Armella
Argentina Argentina
Verle Wright
Estados Unidos EUA
1959 Daniel Puckel
Estados Unidos EUA
Gerald Ouellette
Canadá Canadá
Gary Anderson
Estados Unidos EUA
1963 Gary Anderson
Estados Unidos EUA
William Krilling
Estados Unidos EUA
Paulino Díaz
México México
1967 Margaret Thompson
Estados Unidos EUA
Gerald Ouellette
Canadá Canadá
Gary Anderson
Estados Unidos EUA
1971 John Writer
Estados Unidos EUA
Lones Wigger
Estados Unidos EUA
Miguel Valdés
Cuba Cuba
1975 Margaret Thompson
Estados Unidos EUA
Lones Wigger
Estados Unidos EUA
Miguel Valdés
Cuba Cuba
1979 Lones Wigger
Estados Unidos EUA
Rod FitzRandolph
Estados Unidos EUA
Guy Lorion
Canadá Canadá
1983 Lones Wigger
Estados Unidos EUA
Ray Carter
Estados Unidos EUA
Ricardo Rusticucci
Argentina Argentina
1987 Glenn Dubis
Estados Unidos EUA
Mart Klepp
Canadá
Robert Foth
Estados Unidos EUA
1991 Michael Anti
Estados Unidos EUA
Robert Foth
Estados Unidos EUA
Mart Klepp
Canadá
1995 Ken Johnson
Estados Unidos EUA
Stephen Goff
Estados Unidos EUA
Ricardo Rusticucci
Argentina Argentina
1999 Ken Johnson
Estados Unidos EUA
Pablo Álvarez
Argentina Argentina
Roberto José Elias
México México
2003 Jason Parker
Estados Unidos EUA
Eric Uptagrafft
Estados Unidos EUA
Pablo Álvarez
Argentina Argentina
2007 Jason Parker
Estados Unidos EUA
Eliecer Pérez Exposito
Cuba Cuba
Juan Angeloni
Argentina Argentina
2011 Jason Parker
Estados Unidos EUA
Matthew Wallace
Estados Unidos EUA
Bruno Heck
Brasil Brasil
2015 Reynier Estopiñán
Cuba Cuba
George Norton
Estados Unidos EUA
Ryan Anderson
Estados Unidos EUA

Quadro de Medalhas

Posição País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze Total
1 Estados Unidos EUA 16 11 5 32
2 Cuba Cuba 1 1 2 4
3  Canadá 0 3 2 5
4 Argentina Argentina 0 2 5 7
5 México México 0 0 2 2
6 Brasil Brasil 0 0 1 1

O eEsporte

Existem três categorias de tiro esportivo: pistola, carabina e tiro ao prato. Na primeira utiliza-se uma pistola curta, que somente pode ser manuseada com uma mão. Já na segunda usa-se uma carabina longa, com disparo de ar comprimido ou dióxido de carbono. Nas provas de tiro ao prato, o alvo pode ser fixo ou móvel e a distância entre o atirador e o alvo varia de acordo com a arma utilizada.

Carabina

Três posições (prova masculina e feminina): atira-se em um alvo a 50 m, deitado, de pé e ajoelhado. São três séries de 40 tiros para homens e três de 20 para mulheres.
Pequeno Calibre – Deitado (prova masculina): os competidores ficam deitados e têm de acertar alvos a 50 m de distância. São 60 tiros.
Carabina de ar (prova masculina e feminina): de ar comprimido ou de dióxido de carbono. A competição de pé é a uma distância de dez metros. São 60 tiros para homens e 40 para mulheres.