Siga o OTD

Feminino

Jogos Pan-Americanos – Lima 2019 – Softbol – Feminino

QUARTAS DE FINAL

Local da competição

Estádio de Softbol

Local: Complexo Esportivo de Villa Maria del Triunfo, Lima

Capacidade: 1.800 torcedores

A estrela dos Jogos

Último ouro dos Estados Unidos no softbol veio em Guadalajara 2011 / Foto: Mike Ehrmann

No softbol feminino, os Estados Unidos dominam com larga vantagem na história dos Jogos Pan-Americanos. Ao todo, são oito medalhas de ouro e duas de prata desde 1979, ano de estreia da modalidade na competição. Quatro décadas depois, em Lima 2019, a equipe brigará novamente pelo título em sua 11ª participação.

O principal adversário norte-americano no Pan é o Canadá. Os únicos dois tropeços dos Estados Unidos em decisões aconteceram justamente contra o rival geográfico, incluindo a disputa da última edição em Toronto 2015. Na ocasião, vitória canadense por 4 a 2. A outra derrota veio em Caracas 1983.

E os Estados Unidos reinaram por 24 anos: entre Indianápolis 1987 e Guadalajara 2011, foram sete títulos consecutivos. A primeira conquista aconteceu em San Juan 1979.

Medalhistas

ANO Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze
1979 EUA  Porto Rico Belize Belize
1983 Canadá EUA Belize Belize
1987 EUA  Porto Rico Canadá
1991 EUA Cuba Canadá
1995 EUA  Porto Rico Cuba
1999 EUA Canadá Cuba
2003 EUA Canadá  República Dominicana
2007 EUA Canadá
Venezuela
2011 EUA Canadá Cuba
2015 Canadá EUA  Porto Rico

Quadro de medalhas

Ordem País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze Total
1 EUA 8 2 0 10
2  Canadá 2 5 1 8
3  Porto Rico 0 3 1 4
4 Venezuela 0 1 0 1
5  Cuba 0 0 4 4
6 Belize Belize 0 0 2 2
7  República Dominicana 0 0 1 1

O esporte

O objetivo do jogo é acertar a bola com um taco. Caso a bola seja acertada corretamente, o rebatedor tem que correr em volta do campo tocando as quatro bases que demarcam os cantos. A equipe vencedora será aquela que anotar mais pontos em sete entradas disputadas.

O softbol é tido como uma modalidade feminina, na grande maioria dos casos. Em relação ao beisebol, estas são as principais diferenças:

  • O arremesso tem que ser feito com um movimento com o braço de baixo para cima (com o punho, abaixo, e o cotovelo obrigatoriamente alinhados verticalmente), e não de cima para baixo, como faz um pitcher de beisebol;
  • A bola utilizada no softbol é maior que a do beisebol, sua circunferência mede 30,4 cm;
  • Também é diferente a dimensão do campo: no beisebol a área de jogo tem raio de 68,58 m e a área de jogo do softbol tem raio de 60,96;
  • O softbol tem somente sete entradas; no beisebol, são nove;
  • O corredor tem de ficar na base até o arremessador lançar a bola;
  • As bases são duplas para evitar o choque entre os jogadores: uma base é da defesa e a outra é do ataque. A base que precisa ser conquistada pelo corredor é de cor alaranjada; a que precisa ser tocada pelo jogador de defesa é branca.