Siga o OTD

Dois sem masculino

Jogos Pan-Americanos – Lima 2019 – Remo – Dois sem masculino

Chances do Brasil

Mescando jovens remadores com outros mais experientes, a Confederação Brasileira de Remo convocou 20 atletas para o período de treinamentos e avaliações às vésperas dos Jogos Pan-Americanos, no Rio de Janeiro. Foram dois meses de trabalho, entre maio e julho. A expectativa da comissão técnica é superar o resultado abaixo da média em Toronto 2015, quando o Brasil trouxe para casa somente uma medalha de prata. Os espanhóis naturalizados brasileiros, Xavier e Pau Vela Maggi vão representar o país no dois sem masculino.

Nossos pódios

Desde Buenos Aires 1951, ano de estreia dos Jogos Pan-Americanos, o Brasil já marcou presença no pódio em 11 oportunidades. Ao todo, são duas medalhas de ouro, seis de prata e três de bronze. O país ocupa o terceiro lugar no quadro geral de medalhas da categoria. Os dois títulos vieram com as duplas formadas por Erico de Souza e Raul Bagattini (Cidade do México 1975) e Ronaldo e Ricardo Carvalho (Caracas 1983). Em Guadalajara 2011, João Borges e Alexis Arias foram os últimos brasileiros entre os três primeiros colocados com a medalha de prata em terras mexicanas.

Medalhistas

ANO Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze
1951 Alberto Madero
Oscar Almiron

 Argentina
Walter Karl
Henrique Fuskini

 Brasil
 Não concedido
1955 Jorge Glusman
Eduardo Glusman

 Argentina
Charlie Logg
Tom Price

 EUA
Walter Schreiberg
Luis Schreiberg

 México
1959 Ted Frost
Robert Rogers

EUA
Milton Bruno
Edgard Gijsen

 Brasil
Carlos Castillo
Julio Citta

 Argentina
1963 Mariano Caulin
Gustavo Perez

 Uruguai
Daniel Watts
Robert Clayton

EUA
Ricardo Duran
Carlos Montaldo

 Argentina
1967 Tony Johnson
Larry Hough

EUA
Darly Sturdy
Wayne Osterhout

 Canadá
Antonio Roynoso
David Trejo

 México
1971 Ricardo Rodriquez
Guillermo Figurado

 Argentina
Milton Texeira
Wandir Kuntze

 Brasil
Robert Wethmoore
Andrew Roberta

EUA
1975 Erico de Souza
Raul Bagattini

 Brasil
Jorge Molina
Juan Tuma

 Argentina
Juan Oberti
Oscar Caeiro

 Uruguai
1979 Brian Dick
Timothy Storm

 Canadá
David Fellows
Richard Cashim

Estados Unidos
Abel Rodríguez
Rene Pumariega

 Cuba
1983 Ronaldo Carvalho
Ricardo Carvalho

 Brasil
Claudio Guindón
Ruben D’Andrilli

 Argentina
Willard Donoho
John Jablonic

EUA
1991 Ismael Carbonell
Hermes Castellanos

 Cuba
Michael Forgeron
Steve Frisch

 Canadá
Carlos Almeida
Cláudio Tavares

 Brasil
1995 Don Smith
Fredric Honebein

EUA
Daniel Scuri
Mariano Kowalczyk

 Argentina
Carlos Almeida
Cláudio Tavares

 Brasil
1999 Damian Ordás
Walter Daniel Balunek

 Argentina
Alexandre Soares
Gibran Cunha

 Brasil
Phil Graham
Kevin White

 Canadá
2003 Walter Martín Naneder
Marcos César Morales

 Argentina
Alexandre Soares
Gibran Cunha

 Brasil
Manuel Cascaret
Luis Cruz

 Cuba
2007 Dan Casaca
Christopher Jarvis

 Canadá
Dan Beery
Patrick O’Dunne

Estados Unidos
Anderson Nocetti
Allan Bitencourt

 Brasil
2011 Michael Gennaro
Robert “Ty” Otto

EUA
Joao Borges
Alexis Arias

 Brasil
Peter McClelland
Steven Van Knotsenburg

 Canadá
2015 Axel Haack
Diego López

 Argentina
Félipe Leal
Oscar Vásquez

 Chile
 Não concedido Diego Sánchez
Leopoldo Tejera

 México

Quadro de medalhas

Posição País Medalha de ouro Medalha de prata Medalha de bronze Total
1  Argentina 6 3 2 11
2  EUA 4 4 1 9
3  Brasil 2 6 3 11
4  Canadá 2 2 2 6
5  Cuba 1 0 2 3
6  Uruguai 1 0 1 2
7  Chile 1 0 0 1
8  México 0 0 3 3

O esporte

As provas de remo são disputadas no sistema de eliminatória, contando com repescagem, semifinal e final. As distâncias percorridas nas provas são de dois mil metros. As raias, com largura padrão recomendada pela FISA, têm 13,50 metros de largura e profundidade entre 3 e 3,50 metros.

Os barcos utilizados para as competições são constituídos por um, dois, quatro ou oito remadores. Quando são oito remadores, é obrigatório ter um timoneiro. Ele é um integrante que não rema, mas é o responsável por orientar e incentivar a sua equipe durante as provas. Cada remador pode conduzir o barco utilizando um ou dois remos dependendo do tipo de barco. O formato do remo varia conforme a modalidade. Em algumas provas são utilizadas remos de até 4 metros. (Reprodução/Casal Travinha)

AGENDA DO DIA

dez 15 03:30 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo D Brasil 6 Austrália 9 dez 15 04:50 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo D Uzbequistão 4 Grécia 27 dez 15 06:10 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo B Canadá 7 Espanha 15 dez 15 07:30 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo A Japão 26 África do Sul 11 dez 15 08:00 Campeonato Brasileiro de tênis de mesa Individual Olímpico (sênior, lady e Absolutos). dez 15 08:50 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo C Kuwait 8 Estados Unidos 16 dez 15 10:10 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo B Rússia 9 Hungria 12 dez 15 11:00 Bundesliga de tênis de mesa TTC Zugbrucke Grenzau 1 TTF Liebherr Ochsenhausen 3 dez 15 11:30 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo A Sérvia 11 Croácia 6 dez 15 12:50 Mundial Júnior de Polo Aquático Masculino - Grupo C Montenegro 12 Itália 12 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei masculino Padova (ITA) 0 Lube Civitanova (ITA) 3 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei feminino Monza (ITA) 1 Busto Arsizio (ITA) 3 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei feminino Novara (ITA) 3 Perugia Volley (ITA) 1 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei feminino Scandicci (ITA) 3 Caserta (ITA) 0 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei masculino Calabria (ITA) 3 Monza (ITA) 2 dez 15 13:00 Campeonato Italiano de vôlei masculino Sora (ITA) 0 Trentino (ITA) 3 dez 15 15:30 Paulista de handebol masculino - Disputa de terceiro lugar Corinthians/Guarulhos 32 CAI/GHC (PI) 27 dez 15 16:00 Brasileiro Sub-16 de futebol feminino - Final São Paulo Santos dez 15 18:00 Paulista de handebol masculino - Final Pinheiros 20 Taubaté/FAB/UNITAU 20 dez 15 18:30 Amistoso de futebol feminino Brasil México dez 15 20:00 Superliga de vôlei masculino - Primeira Fase Sesi Sesc RJ dez 15 20:00 NBA Philadelphia 76ers Brooklyn Nets dez 15 23:00 Mundial da classe finn - Finn Gold Cup Jorge Zarif