Siga o OTD

Planeta Ippon

Leo e “Bolo” são ouro e prata nos meio-pesados em Oberwart

Leonardo Gonçalves venceu Rafael Buzacarini na final da categoria até 100 quilos no aberto austríaco disputado como preparação para Dusseldorf

Leonardo Gonçalves e Rafael Buzacarini no pódio do Aberto de Oberwart de judô
Buzacarini e Leo Gonçalvez no pódio em Oberwart (EJU)

O Brasil dominou o pódio da categoria meio-pesado masculina no Aberto de Oberwart de judô, encerrado no domingo (16). Leonardo Gonçalves ficou com a medalha de ouro ao bater o companheiro de seleção brasileira Rafael Buzacarini, também conhecido como “Bolo”.

Para chegar na final, cada um venceu três lutas, todas por ippon. Rafael Buzacarini (100kg), cabeça de chave número um, passou pelo romeno Valentin Radu na estreia, pela segunda rodada, e depois superou o eslovaco Matej Hajas já valendo pelas quartas de final. Na semi, derrotou o cazaque Serik Salmenov.

Leonardo Gonçalves (100kg), cabeça de chave número dois, estreou vencendo o húngaro Peter Kordely. A seguir, pelas quartas de final, superou o suíço Otto Imala e na semifinal derrotou o holandês Jelle Snipe, terceiro favorito. Na decisão contra o Bolo aplicou seu quarto golpe perfeito do dia para ficar com o ouro.

+ SIGA O PERFIL OFICIAL DO OTD NO TWITTER

Rafael Macedo (90kg) também lutou neste domingo, mas parou na primeira luta. Eduardo Yudy (81kg) estava inscrito, mas foi poupado para o Grand Slam de Dusseldorf.

Foram os dois primeiros pódios da seleção brasileira masculina no Aberto de Oberwart de judô. No primeiro dia de lutas, no sábado (15), Eduardo Katsuhiro chegou até a luta pela medalha de bronze, mas acabou sando com a quinta colocação. Em Bratislava, na Eslováquia, o time feminino fez três ouros e dois bronzes no único dia de competição.

Os dois abertos europeus valem poucos pontos no ranking mundial, apenas 100 para os campeões, mas são preparatórios para a Dusseldorf, na Alemanha, que dá 700 para quem subir ao lugar mais alto do pódio. Será o segundo de quatro Grand Slams programados para ocorrer antes do final da corrida olímpica.

Mais em Planeta Ippon