Siga o OTD

Pan 2019

Ingrid Oliveira desabafa: “é muita cobrança em cima de mim”

Em Lima, carioca de 23 anos avança para a final mesmo com dores no punho e termina em oitavo lugar na plataforma 10m dos saltos ornamentais: “eu tive apenas três treinos.”

Abelardo Mendes Jr/ rededoesporte.gov.br

Na noite deste sábado (03), Ingrid Oliveira participou da grande final da plataforma 10m e terminou com a oitava colocação geral. Antes, na fase classificatória, garantiu 302,55 pontos para avançar. Depois de agravar a lesão no punho no Campeonato Mundial de Esportes Aquáticos, ela chegou aos Jogos Pan-Americanos sem as melhores condições para disputar a prova. Em seguida, reconheceu o esforço para competir em Lima e desabafou: “eu sei que é muita cobrança em cima de mim.”

O resultado, claro, não foi o desejado. Mesmo sem garantir um lugar no pódio, Ingrid contou sobre a dificuldade para executar treinamentos por conta do problema físico. Além disso, lamentou as poucas sessões que teve no período entre o Mundial e o Pan. “Óbvio que eu sempre me cobro demais, mas eu não estava treinando por conta da lesão. Eu estou feliz de estar aqui (no Peru) competindo. Claramente o resultado não era o que eu esperava. Mas eu estou feliz de estar aqui, por ter me superado, por ter competido mesmo com dor. Não era o que eu gostaria, mas eu estou feliz.”

“É nítido que eu gostaria de ter competido no Mundial, provavelmente eu estaria na semifinal. Na Coreia do Sul, como eu estava treinando há um mês, eu estava melhor preparada querendo ou não. Aqui, eu tive apenas três treinos. Eu estou fazendo um de cada salto durante o treino. Um de cada é muito abaixo do ideal que um atleta normal faz. Eu, sem a lesão, faço três ou quatro de cada. Cinco quando está muito puxado. Eu fiz três saltos para competir. Lá, eu já tinha treinado durante um mês. Não todos os dias os 10m, até porque pioraria muito a minha lesão, mas os saltos estavam entrando”, contou.

Talvez o nome de principal destaque na equipe brasileira de saltos ornamentais, Ingrid Oliveira sabe da responsabilidade de representar o país em competições relevantes. Sabe também que tem qualidade para encarar qualquer desafio que apareça pela frente. “Me deixa bastante triste (ter potencial e não conquistar medalhas). Todo mundo sabe que eu tenho chances, que eu tenho condições. Eu também sei. Eu sei que é muita cobrança em cima de mim, eu também me cobro demais. É sempre assim. Elas também sabem que eu tenho potencial e, por conta, dessa lesao eu não pude dar o meu 100%. Ai, que ódio. O principal ponto positivo a levar em conta com certeza foi a força que eu tive dentro de mim”, revelou emocionada.

Logo após a conversa, Ingrid detalhou a lesão e como será o procedimento de recuperação. Espera disputar a Copa do Mundo da modalidade no início da próxima temporada, que dará 18 vagas para a Olimpíada de Tóquio 2020. “O médico que eu estava conversando não era especialista de mão. Quando eu cheguei aqui no Pan, tive um especialista de mão. Até tem um médico acompanhando as provas para entender melhor o esporte, ver o que acontece. Eu já falei o que eu acho que acontece para a mão deslocar. Ele está vendo o laudo, já olhou as ressonâncias desde a primeira. Desde o que eu tinha antes, que era uma lesão que não sarou totalmente por conta do pulso. Isso criou uma nova lesão no Mundial.”

Eles (os médicos do começo do tratamento) erraram o meu diagnóstico no início, ainda estão vendo o que é realmente. Eu tenho que voltar e me recuperar da lesão. Recuperar a lesão, voltar e treinar. A última tentativa para ir aos Jogos Olímpicos é em fevereiro ou março. São 18 vagas, é mais fácil de entrar”, finalizou.

A prova

Para confirmar o oitavo lugar, Ingrid Oliveira anotou um total de 257,90 pontos. Andressa Mendes também realizou a série de cinco saltos e fechou uma posição abaixo da compatriota (233,20).

O time masculino marcou presença na finalíssima do trampolim 3m sincronizado, mas não alcançou o pódio. Luís Felipe Moura e Kawan Figueiredo finalizaram com 335,49 pontos, com o oitavo melhor desempenho da tabela geral de classificação.

AGENDA DO DIA

jan 29 05:30 Torneio Internacional Indoor de Budapeste de Pentatlo Moderno Qualificação feminina Isabela Abreu jan 29 05:30 Torneio Internacional Indoor de Budapeste de Pentatlo Moderno Qualificação feminina Maria Ieda Guimarães jan 29 05:30 Torneio Internacional Indoor de Budapeste de Pentatlo Moderno Qualificação feminina Priscila Oliveira jan 29 05:30 Torneio Internacional Indoor de Budapeste de Pentatlo Moderno Qualificação feminina Stephany Saraiva jan 29 06:20 Aberto da Alemanha de Tênis de Mesa Bruna Takahashi (BRA) 4 Zhu Chengzhu (HKG) 1 jan 29 08:50 Aberto da Alemanha de Tênis de Mesa Zhang Kai (EUA) 2 Vitor Ishiy (BRA) 4 jan 29 11:00 ITF de Weston Wilson Leite (BRA) 2 Nicolas Mejia (COL) 1 jan 29 11:10 Aberto da Alemanha de Tênis de Mesa Eric Jouti (BRA)/Thiago Monteiro (BRA) 0 Timo Boll (ALE)/Ricardo Walther (ALE) 3 jan 29 11:10 Aberto da Alemanha de Tênis de Mesa Vitor Ishiy (BRA)/Gustavo Tsuboi (BRA) 1 Martin Allegro (BEL)/Florent Lambiet (BEL) 3 jan 29 12:00 Challenger de Punta del Este Felipe Meligeni (BRA) Gianluca Mager (ITA) jan 29 12:00 Challenger de Punta del Este Francisco Cerundolo (ARG) Orlando Luz (BRA) jan 29 12:00 ITF de Cancún José Pereira (BRA) 0 Jesse Witten (EUA) 2 jan 29 12:15 Aberto da Alemanha de Tênis de Mesa Aleksandar Karakasevic (SER)/Izabela Lupulescu (SER) 3 Vitor Ishiy (BRA)/Bruna Takahashi (BRA) 2 jan 29 12:30 ITF de Weston Alan Kohen (ARG) Daniel Dutra Silva (BRA) jan 29 13:00 Campeonato Romeno de handebol masculino Potaissa Turda (ROM) Drobrogea Sud (ROM) jan 29 13:30 Challenger de Punta del Este Hernan Casanova (ARG) Thiago Wild (BRA) jan 29 13:30 Campeonato Russo de handebol feminino Rostov-Don (RUS) Kuban (RUS) jan 29 14:00 ITF de Cancún Lucas Obeid (BRA) Mark Whitehouse (GBR) jan 29 14:00 Aberto da Alemanha de Tênis de Mesa Bruna Takahashi (BRA) Stephanie Loeuillette (FRA) jan 29 14:50 Aberto da Alemanha de Tênis de Mesa Simon Gauzy (FRA) Vitor Ishiy (BRA) jan 29 15:30 ITF de Cancún Ivar Contreras (MEX)/Dominik Palan (TCH) Mateus Alves (BRA)/Ignacio Carou (URU) jan 29 16:00 Champions League de basquete masculino Hapoel Jerusalém (ISR) San Pablo Burgos (ESP) jan 29 16:30 Copa da Itália de vôlei feminino Novara (ITA) Team Monza (ITA) jan 29 17:00 Challenger de Punta del Este Pedro Cachin (ARG)/Carlos Gomez-Herrera (ESP) Felipe Meligeni (BRA)/Diego Hidalgo (EQU) jan 29 17:30 Challenger de Punta del Este Tomas Etcheverry (ARG)/Renzo Olivo (ARG) Pedro Sakamoto (BRA)/Geoffrey Blancaneaux (FRA) jan 29 18:00 WTA de Newport Beach Luisa Stefani (BRA)/Hayley Carter (EUA) Sharon Fichman (CAN)/Shelby Rogers (EUA) jan 29 18:00 Libertadores de vôlei masculino - Primeira Fase Obras de San Juan Minas Tênis Clube jan 29 18:00 Challenger de Newport Beach Fernando Romboli (BRA)/Denis Istomin (UZB) Jamie Cerretani (EUA)/Maxime Cressy (EUA) jan 29 18:00 WTA de Newport Beach Anna Danilina (KAZ)/Ingrid Neel (EUA) Laura Pigossi (BRA)/Rosalie Van der Hoek (HOL) jan 29 19:00 NBB Bauru Basquete Rio Claro jan 29 19:00 Challenger de Punta del Este Orlando Luz (BRA)/Rafael Matos (BRA) Guilherme Clezar (BRA)/Fabricio Neis (BRA) jan 29 20:00 NBB Mogi das Cruzes Franca Basquete jan 29 21:00 NBA Indiana Pacers Chicago Bulls jan 29 21:00 Libertadores de vôlei masculino - Primeira Fase Sesi Ciudad Voley (ARG) jan 29 21:00 Challenger de Punta del Este Mariano Kestelboim (ARG) Thiago Monteiro (BRA) jan 29 21:30 NBA New York Knicks Memphis Grizzlies jan 29 23:00 NCAA - Basquete feminino universitário Kansas Kansas State

Mais em Pan 2019