Siga o OTD

Hipismo

Fábio Sarti com Mel JC no hall dos campeões do GP da Copa SP

Luis Ruas

Último a entrar na pista, cavaleiro da casa levantou a torcida na Sociedade Hípica Paulista batendo demais quatro concorrentes com dois percursos sem faltas no melhor tempo.

Fechando o Concurso de Salto Nacional 47ª Copa São Paulo, mais antigo evento hípico da Sociedade Hípica Paulista, nesse domingo (03),  25 conjuntos de sete estados brasileiros largaram no GP, a 1.55 metro, válido pela 3ª etapa do ranking brasileiro senior top (rendimento máximo). Sagrou-se campeão o renomado cavaleiro da casa Fábio Sarti montando Mel JC, égua que fez sua estreia em um GP. Último conjunto em pista, Fábio montando Mel JC com arrojo e categoria fez dois percursos sem faltas, em 53s77 no 2º, conquistando pela primeira vez o GP da Copa São Paulo.

Conforme a regra, os 12 melhores da primeira volta mostraram alto nível técnico – 10 conjuntos sem faltas e dois dos sete com quatro pontos (no melhor tempo) – habilitaram-se à 2ª e decisiva rodada com armação do course-designer internacional Hélio Pessoa. Cinco voltaram a zerar. O vice-campeonato ficou com o cavaleiro pan-americano do interior paulista Lourenço Vieira da Silva apresentando Salamandra Baloubina, em 54s40. Em 3º lugar chegou o top de Minas Gerais, Felipe Lopes Morgan, montando Horse a Porter Top Team Dartagnan JB Lavizzo, em 59s28.

“Já bati na trave duas vezes em 2º e 3º lugar. Foi uma conquista muito importante e também marcou a estreia da Mel, que tem 10 anos, em um GP tão importante. Ela saltou perfeitamente e vencer dentro de casa tem um gosto muito especial”, garantiu Fábio, 43, que monta Mel JC, de propriedade de Arnaldo dos Santos Diniz e da amazona top internacional Luciana Diniz, desde os seis anos. “Foi uma conquista de todos, dos proprietários,do fiel escudeiro e tratador Robinho, do Alexandre Morais que faz adestramento com ela e da equipe veterinária dra Santina & Associados.”

O GP distribuiu R$ 120 mil em premiação e foi válido pela 3ª de 9 de nove etapas do Ranking Brasileiro Senior Top 2018. O brasiliense Luiz Felipe Pimenta Alves, 8º no GP, se manteve na liderança. José Roberto Reynoso Fernandez Filho, tricampeão da Copa São Paulo, fechou em 9º lugar. A nova contagem oficial do ranking brasileiro senior top será divulgada no decorrer da semana.

Victoria Mendonça, 19, venceu o GP/Clássico

Na segunda disputa mais importante da Copa São Paulo, o GP/Clássico, a 1,45 metro, no sábado 2/6, a jovem amazona Victoria Junqueira Ribeiro de Mendonça, 19, montando Una Bella B bateu campeões brasileiros e medalhistas pan-americanos conquistando topo do pódio.Victoria, campeã brasileira young riders 2017 (categoria de rendimento máximo para jovens de 16 a 21 anos), montando Una Bella foi a última em pista e com muita categoria cruzou a linha de chegada em 30s66. Em 2º lugar chegou o cearense radicado em São Paulo Ivo Roza Filho com Caliandra Jmen, pista limpa, 31s59 e o cavaleiro da casa Luis Antonio Piva Filho, 23, montando Happy Lady garantiu a 3ª colocação, sem faltas, 31s91.

GP – 1.55 metro
Campeão Fabio Sarti / Mel JC – FPH – 0/0/53s77
Vice Lourenço Vieira da Silva / Salamandra Baloubina – FPH -0/0/54s40
3º Felipe Lopes Morgan / Horsea Porter Top Team Dartagnan JB Lavizzo – FHMG – 59s28
4º Tiago Mesquita / Dorlana – FEERJ – 0/0/59s28
5º Mariana Cassettari / Cehip X Tra GMS – FCH –  0/0/63s12
6º Lucio Osório / Krishna R – FPH – 4/0/54s54

Confira os resultados completos!

Mais em Hipismo