Siga o OTD

Handebol

Dueñas usa tecnologia e prevê seleção consolidada em 2018

Divulgação

Técnico espanhol Jorge Dueñas assiste a jogos, edita vídeos e envia mensagens para, mesmo à distância, corrigir e elogiar suas atletas.

Nos últimos meses, o espanhol Jorge Dueñas passou a maior parte de seu tempo de trabalho em frente a uma tela. Foram horas e horas assistindo a jogos na TV, analisando e editando vídeos no computador, escrevendo e-mails e enviando mensagens pelo celular. Desde que assumiu o comando da seleção feminina de handebol, em agosto do ano passado, o treinador tem buscado conhecer todos os detalhes das jogadoras brasileiras.

“Temos cerca de 30 atletas em nosso radar atuando fora do Brasil, em diferentes países. Eu precisava juntar o máximo de informação possível sobre elas. Agora que as conheço melhor, vamos trabalhar nesse ano para ter uma equipe segura, que mostre um bom rendimento em todos os jogos”, diz Dueñas.

O espanhol continua baseado em seu país natal e vem ao Brasil para períodos de treinos, competições e observações das categorias de base. Ele criou um sistema de comunicação constante com as atletas. O treinador assiste aos vídeos dos jogos dos clubes e faz comentários, por e-mail ou WhatsApp, sobre o rendimento das jogadoras, destacando seus pontos fortes e apontando aqueles que precisam ser melhorados. Em alguns casos, ele edita trechos dos vídeos para que as atletas visualizem de forma mais eficiente os aspectos que ele avalia que precisam ser corrigidos.

“Eu acompanho jogadoras que já vêm fazendo parte da seleção e outras que têm chance de entrar para o grupo no futuro.  Passo praticamente a semana toda vendo vídeos e, aos fins de semana, acompanho jogos das ligas e campeonatos da Europa. Tento acompanhar o maior número possível de atletas”, diz.

Em fevereiro, o treinador irá participar de atividades com as equipes júnior e juvenil para trabalhar com meninas que possam fazer parte da seleção adulta no futuro. Em março, começa a colocar em prática as observações que vem colhendo sobre o time principal em amistosos contra a seleção francesa, na França. Em abril, retornará ao Brasil para treinar com as atletas que atuam no país. Em maio, disputará os Jogos Sul-Americanos, que devem distribuir vagas para os Jogos Pan-Americanos de Lima, em 2019. No segundo semestre, Dueñas terá a chance de testar novamente as atletas no Torneio Quatro Nações, em setembro, no Brasil, e em uma competição internacional na Espanha, em novembro.

“Tanto as atividades de treinamento como os torneios serão muito importantes para prepararmos a equipe para 2019 e 2020, quando teremos Mundial e Jogos Olímpicos (ambos no Japão), nossas prioridades”, diz Dueñas.

A seleção feminina, campeã mundial em 2013, vem passando por uma renovação desde os Jogos Olímpicos do Rio, em 2016. Algumas atletas mais experientes deixaram de vestir a camisa verde e amarela e as mais jovens estão buscando se consolidar no time.

“Esse é um processo natural que acontece em todas as equipes. É importante que as atletas mais experientes dêem segurança e ajudem as mais novas. O importante é termos o maior número possível de atletas com nível de seleção”, diz Dueñas.

O treinador destacou, por exemplo, as atuações das pivôs no Mundial de 2017, quando a posição foi ocupada por Lígia Costa, 22, Tamires Anselmo, 28, e Tamires Morena, 24, única do trio que atuou na Rio-2016.

AGENDA DO DIA

out 23 07:00 ITF de Monastir Helena Figueras (GBR) Erika Pereira (BRA) out 23 08:15 Aberto da Bélgica de tênis de mesa Jéssica Yamada (BRA) Hiba Feredj (ALG) out 23 11:00 ITF de Macon Paula Gonçalves (BRA) Louisa Chirico (EUA) out 23 12:00 Challenger de Lima Guido Andreozzi (ARG) Rogério Dutra Silva (BRA) out 23 12:00 ITF de Santa Margherita Di Pula Vanda Lukacs (HUN) Carolina Meligeni (BRA) out 23 12:00 ITF de Lousada Marcela Bueno (BRA)/Maria Fonte (POR) Anastasiya Mulder (HOL)/Stephanie Visscher (HOL) out 23 12:30 Aberto de Santo Domingo de badminton Kari Gunnardson (ISL) Fabrício Farias (BRA) out 23 13:00 Aberto de Santo Domingo de badminton Osleni Guerrero (CUB) Jonathan Matias (BRA) out 23 13:30 ATP 500 de Viena Denys Molchanov (UCR)/Igor Zelenay (ESQ) Marcelo Melo (BRA)/Lukasz Kubot (POL) out 23 14:00 ITF de Macon Chanel Simmonds (AFS)/Aymet Uzcategui (VEN) Quinn Gleason (EUA)/Luisa Stefani (BRA) out 23 14:00 Aberto de Santo Domingo de badminton Ivan León (CHL) Artur Pomoceno (BRA) out 23 14:30 Campeonato Dinamarquês de futebol feminino Fortuna Hjorring Vildbjerg out 23 15:30 ITF de Macon Paula Gonçalves (BRA)/Bia Haddad Maia (BRA) Ulrikke Eiker (NOR)/Ana Sanchez (MEX) out 23 16:00 Aberto de Santo Domingo de badminton William Cabrera (DOM)/Bermary Muñoz (DOM) Francielton Farias (BRA)/Luana Vicente (BRA) out 23 16:15 Copa do Brasil Sub-17 - Oitavas Atlético-MG São Paulo out 23 16:30 Aberto de Santo Domingo de badminton Reimi Rosario (DOM)/Noemi Almonte (DOM) Matheus Voigt (BRA)/Lohaynny Vicente (BRA) out 23 17:00 Campeonato Sul-Americano Sub-21 de vôlei masculino - Grupo A Chile Peru out 23 18:00 Challenger de Lima Andres Molteni (ARG)/Fernando Romboli (BRA) Rogério Dutra Silva (BRA)/Paolo Lorenzi (ITA) out 23 18:00 Challenger de Lima José Hernandez-Fernandez (DOM)/Orlando Luz (BRA) Tomas Puches (ARG)/Juan Londero (ARG) out 23 18:30 Aberto de Santo Domingo de badminton Fabiana Silva (BRA) Alisa Acosta (DOM) out 23 18:45 Liga Sul-Americana de Basquete masculino - Grupo D Libertad Sunchales (ARG) Welcome (URU) out 23 19:00 NBB Bauru Vasco out 23 19:30 Aberto de Santo Domingo de badminton A definir Jaqueline Lima (BRA) out 23 20:00 Campeonato Sul-Americano Sub-21 de vôlei masculino - Grupo B Argentina Paraguai out 23 20:00 Aberto de Santo Domingo de badminton Bryan Castro (DOM)/Angel Ulloa (DOM) Jonathan Matias (BRA)/Matheus Voigt (BRA) out 23 21:00 Liga Sul-Americana de Basquete masculino - Grupo D Club Atletico Goes (URU) Flamengo

Mais em Handebol