Siga o OTD

Ginástica de Trampolim

Brasil alcança final do trampolim sincronizado no Mundial

Camilla Gomes e Alice Gomes somam forças e fazem história novamente ao levar o Brasil à decisão do trampolim sincronizado no Campeonato Mundial

Ricardo Bufolin

Depois de uma dupla classificação inédita para a fase de semifinal do trampolim individual feminino, as atletas Camilla Gomes e Alice Gomes queriam mais. Nesta quinta-feira (8), elas foram competir no trampolim sincronizado no Campeonato Mundial, disputado em São Petersburgo, na Rússia. O resultado foi histórico, só que desta vez para uma inédita final.

Elas fecharam a fase qualificatória na 8ª colocação, justamente a última posição que classificava para a decisão. Camilla Gomes e Alice Gomes se superaram. Na primeira rotina, somaram 38.300, que representava a 18ª colocação. Porém, na segunda rotina alcançaram 46.110, que rendia a 7ª colocação. Com um somatório final de 84.410, veio a classificação histórica.

As brasileiras ficaram na frente da dupla chinesa número 2 (84.400). No entanto, a segunda dupla da China não poderia classificar, pois o regulamento permite somente uma por país na fase final e a outra já estava melhor ranqueada. A disputa ficou com a dupla espanhola número 1, que atingiu 84.050.

O Brasil teve ainda uma dupla número 2 na disputa, formada por Ingrid Maior e Lorrane Sampaio, que terminou na 15ª colocação entre 23 duplas, com o somatório das rotinas de 76.910.

Além do Brasil, avançaram para a decisão Japão, Canadá, Austrália, França, China, Estados Unidos e México. A final será já nesta sexta-feira (9), a partir das 17h20 (horário de Brasília).

Mais em Ginástica de Trampolim