Siga o OTD

Futebol

Maior artilheira olímpica, Cristiane acerta com o São Paulo

Aos 33 anos, Cristiane chega ao São Paulo após defender o Changchun Yatai, da China. “Estou feliz demais”, afirmou a dona de duas pratas em jogos olímpicos.

Foto: Renata Damasio/saopaulofc.net

14 de janeiro é o dia do Futebol Feminino Tricolor. E, nesta segunda-feira,o São Paulo anunciou uma contratação de peso para o time feminino: Cristiane. A maior artilheira olímpica chega para reforçar o clube paulista e a expectativa do grupo é que ela balance a rede.

“Eu acho que é o sonho de toda atleta, de todo mundo, de representar um grande clube e hoje eu represento o São Paulo. Estou feliz demais. É uma alegria muito grande e eu espero poder representar à altura do clube”, afirmou a jogadora.

Dona de duas medalhas de prata olímpicas, uma conquistada em 2004 e outra em 2008, Cristiane foi, recentemente, convocada para representar o verde e amarelo mais uma vez. Em ano de Copa do Mundo, em suas redes sociais, ela pediu o apoio e torcida dos fãs.

Aos 33 anos, Cristiane chega ao São Paulo após defender o Changchun Yatai, da China. Ela também ostenta outros títulos com a Seleção, que defende desde os 15: Pan-Americano (2007 e 2015) e o vice-campeonato Mundial (2007).

“A contratação da Cristiane demonstra a forma séria como o São Paulo entra no projeto do futebol feminino. Estamos muito felizes por termos concretizado essa negociação, que eleva nossa equipe principal a outro patamar, e esperamos que a Cristiane nos ajuda a obter o êxito que desejamos e que o projeto merece”, disse o Presidente Carlos Augusto de Barros e Silva.

Em 2007 e 2008, Cristiane ficou com o terceiro lugar no prêmio de melhor do mundo da Fifa, troféu vencido por Marta nas duas temporada. Ela também está na terceira posição entre os artilheiros históricos da Seleção, atrás de Marta e Pelé – a agora são-paulina balançou as redes 83 vezes pelo Brasil.

“Essa contratação consolida o nosso início na formatação do futebol feminino do São Paulo. A negociação parecia difícil no início, mas tivemos a melhor receptividade possível da Cristiane e as conversas evoluíram rapidamente. A confiança dela no projeto que apresentamos e a vontade que ela demonstrou em atuar pelo São Paulo foram determinantes. Trabalhei com ela no Santos, em 2009 e 2010, e sei do que ela pode agregar dentro e fora de campo”, disse Amauri Nascimento, supervisor do futebol feminino, que assume o comando da modalidade ao lado do diretor associado Antonio Luiz Belardo.

Também nesta terça-feira, acontece o primeiro treino na temporada da categoria principal feminina do SPFC.

Mais em Futebol