Siga o OTD

Esportístico

Maiores medalhistas brasileiras em Jogos Pan-Americanos

Larissa Oliveira e Daniele Hypólito são nossas atletas mais condecoradas no evento

Larissa Oliveira (foto: Wander Roberto/COB)

Muitas atletas brasileiras já fizeram história em Jogos Pan-Americanos. Desde as primeiras medalhas, conquistas no atletismo e na natação na primeira edição em 1951, a representatividade feminina nas conquistas do país só aumentou.

E hoje o Brasil conta com diversas multi-medalhistas no maior evento poliesportivo das Américas.

+ Siga o Esportístico no Instagram
+ Curta a página do Esportístico no Facebook
+ Conheça o canal do Esportístico no YouTube

Em número de medalhas, Daniele Hypólito, da ginástica artística, teve suas dez medalhas conquistas de 1999 a 2015 igualadas pela nadadora Larissa Oliveira, na edição de 2019, em Lima. Larissa, inclusive, se tornou a primeira brasileira no feminino a conquistar sete medalhas em uma única edição.

Em termos de medalhas de ouro, nenhuma mulher supera Luísa Matsuo, da ginástica rítmica, que subiu ao lugar mais alto do pódio em seis ocasiões em 2007 e 2011.

Confira a seguir a lista das 12 maiores medalhistas brasileiras em Jogos Pan-Americanos.

  1. Larissa Oliveira (natação, 2015-2019): 10 medalhas (1 ouro, 3 pratas, 6 bronzes)
  2. Daniele Hypólito (ginástica artística, 1999-2015): 10 medalhas (3 pratas, 7 bronzes)
  3. Etiene Medeiros (natação, 2011-2019): 9 medalhas (2 ouros, 2 pratas, 4 bronzes)
  4. Manuella Lyrio (natação, 2007-2019): 9 medalhas (1 ouro, 3 pratas, 5 bronzes)
  5. Joanna Maranhão (natação, 2003-2015): 8 medalhas (3 pratas, 5 bronzes)
  6. Tatiana Lemos (natação, 1999-2011): 8 medalhas (2 pratas, 6 bronzes)
  7. Daynara de Paula (natação, 2011-2019): 7 medalhas (3 pratas, 4 bronzes)
  8. Luísa Matsuo (ginástica rítmica, 2007-2011): 6 medalhas (6 ouros)
  9. Dayane Amaral (ginástica rítmica, 2011-2015): 6 medalhas (5 ouros, 1 prata)
  10. Flavia Delaroli (natação, 1999-2011): 6 medalhas (3 pratas, 3 bronzes)
  11. Angélica Kvieczynski (ginástica rítmica, 2011-2015): 6 medalhas (1 prata, cinco bronzes)
  12. Monique Ferreira (natação, 1999-2007): 6 medalhas (1 prata, 5 bronzes)

Sobre o Autor

Foto de André Rossi

Saulo Próspero é um apaixonado por esportes olímpicos. Engenheiro de formação, criou o blog Os Olímpicos em 2010 e segue acompanhando todos os esportes, de verão ou de inverno. Escrevendo e torcendo. Já esteve em três Olimpíadas e segue em 2020 para a sua quarta. E contando...

AGENDA DO DIA

Mais em Esportístico