Siga o OTD

Curiosidades olímpicas

Pai de Rodrigo Pessoa tem marca de mais velho brasileiro nos Jogos

Nelson Pessoa disputou cinco Olimpíadas como atleta e mais duas como treinador

brasileiro mais velho a disputar os jogos olímpicos
Nelson Pessoa entre a esposa Regina e o filho Rodrigo Pessoa em Munique 1972 (Arquivo Pessoal)

O brasileiro mais velho a disputar os Jogos Olímpicos é o cavaleiro Nelson Pessoa, pai de Rodrigo Pessoa, que foi medalha de ouro em Atenas-2004. O experiente atleta do hipismo competiu se despediu de Barcelona-1992 com 56 anos e 237 dias. O recorde anterior pertencia a Waldemar Capucci, que disputou a prova da carabina deitado do tiro esportivo com 55 anos e 52 dias em Los Angeles-1984.

Nascido em 16 de dezembro de 1935 no Rio de Janeiro, Nelson Pessoa participou pela primeira vez dos Jogos Olímpicos em Estocolmo, na Suécia, onde foram disputadas as provas de hipismo de Melbourne-1956, quando tinha apenas 20 anos. Na prova individual de saltos, o então jovem cavaleiro terminou em 33º. lugar e ajudou o Brasil a ficar na décima colocação por equipes.

+ SIGA O OTD NO YOUTUBE, NO INSTAGRAM E NO FACEBOOK

Nelson Pessoa demorou oito anos para voltar aos Jogos Olímpicos e teve sua melhor participação em Tóquio-1964, quando terminou a competição individual na quinta colocação.

Na Cidade do México-1968, Nelson Pessoa ficou em 16º. lugar individual e integrou a equipe que terminou na sétima colocação. Em Munique-1972, ele voltou a competir na prova individual e terminou apenas em 39º. lugar.

Depois disso, Nelson Pessoa ficou 20 anos sem disputar o evento. Voltou em Barcelona-1992, quando se tornou o mais velho brasileiro a disputar os Jogos Olímpicos. No individual, terminou em 65º. lugar e a equipe, da qual fez parte, foi a décima colocada. Na Olimpíada espanhola, o cavaleiro teve a oportunidade de competir ao lado do filho Rodrigo Pessoa, que fez sua estreia nos Jogos aos 19 anos.

+ CONHEÇA O BLOG CURIOSIDADES OLÍMPICAS

Após se tornar o mais velho brasileiro a disputar os Jogos Olímpicos como atleta, Nelson Pessoa continuou a sua participação em Olimpíadas como técnico. Neco, como era conhecido, foi o comandante da equipe brasileira em Atlanta-1996 e também em Sydney-2000. Em ambas as edições, o Brasil conquistou a medalha de bronze.

Além de ter levado duas vezes a equipe brasileira ao pódio olímpico como técnico, Nelson Pessoa teve como cavaleiro conquistas muito importantes como a prata por equipes nos Jogos Pan-Americanos de Buenos Aires-1959 e o ouro na edição de Winnipeg-1967 e também em Mar Del Plata-1995.

Mais em Curiosidades olímpicas