Siga o OTD

Ciclismo BMX

Com 1,2 mil pilotos, Pan de BMX vale na corrida para 2020

Evento é realizado na cidade de Americana, em São Paulo, e conta com presença dos principais pilotos do continente

Giovani Almeida/Ladeira Hill

Os principais pilotos do continente participam neste sábado (25) do Campeonato Pan Americano de BMX e, no dia seguinte, da Copa Latino-Americana. Os dois serão na Pista de Bicicross Municipal de Americana, cidade do interior de São Paulo, e valem na corrida para os Jogos de Tóquio 2020.

Ao todo, cerca de 1.200 pilotos de 10 países são aguardados. No Pan Americano eles serão divididos em 50 categorias. Ao todo, serão 150 medalhas em jogo, além de troféus e premiação em dinheiro para os primeiros colocados. O Brasil será o país com maior quantidade de pilotos com 495 atletas no total. Entre as maiores delegações estão o Chile (85 pilotos), Colômbia (63 pilotos), Equador (61 pilotos) e Bolívia (45 pilotos).

Até domingo, os portões do local de prova serão abertos diariamente às 8h e a entrada é totalmente gratuita.

Abertura Solene do Pan Americano de BMX

Com presença de autoridades locais e internacionais, o Pan Americano de BMX foi oficialmente aberto na noite desta quinta (23) através de uma solenidade que contou com diversas ações envolvendo os competidores.

Um dos principais momentos foi durante a apresentação da ex-The Voice Kids Sofia Nunes, que cantou o hino nacional e emocionou o público presente. Outro momento de destaque foi durante a apresentação de um grupo de dança, onde todos os países inscritos no campeonato foram representados por um membro da companhia.

Na sexta (24) os pilotos foram treinar. “Esse primeiro treino oficial serviu para os atletas terem uma avaliação mais detalhada da pista. Principalmente após chegarem de viagem, é importante essa aproximação com os traçados e características do circuito. Fizemos um trabalho de restauração bastante trabalhoso, visando deixar a pista com a melhor qualidade possível, proporcionando segurança e agilidade para os competidores”, declarou Kleber Santos, Coordenador do BMX na Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC).

Estrutura

A pista de Bicicross do Complexo Esportivo Ayrton Senna foi completamente reformulada exclusivamente para os campeonatos, passando por uma nova roupagem, além de receber uma área especial de apoio às delegações, zona de convivência, tenda médica, praça de alimentação, entre outros espaços dedicado aos atletas.

O Campeonato Pan-Americano de BMX Racing 2019 é uma organização e realização da Confederação Brasileira de Ciclismo (CBC), com patrocínio da Penks Vestuários, e supervisão da União Ciclística Internacional (UCI), Confederação Pan-Americana de Ciclismo (COPACI) e Comissão Pan-Americana de Bicicross (COPABI).

Mais em Ciclismo BMX