Siga o OTD

Boxe

Brasil ganha dez de onze lutas no Usti Nade Labem

No feminino, três das quatro vitórias foram por 5 a 0 e, no masculino, foram seis vitórias e apenas uma derrota nos ringues checos

Os representantes do boxe brasileiro tiveram um dia de gala no tradicional Grand Prix Usti Nade Labem, realizado na República Tcheca. Dos onze combates em que participaram lutadores do país, em dez eles saíram vencedores nesta quinta-feira (23).

No feminino, três das quatro vitórias foram por 5 a 0. Graziele de Jesus (51kg) sobre a norueguesa Veronica Losvik, Beatrriz Ferreira (60kg) sobre Aneta Rygielska, da Polônia e Flávia Figueiredo (75kg) diante da também polonesa Elzbieta Wojciak. Jucielen Romeu (57kg) derrotou a tailandesa Nilawan Techasuep por 4 a 1.

No masculino, mais sete lutas. A vitória mais apertada foi a de Wanderson Oliveira (63kg) sobre Sarkhan Aliyev, do Azerbaijão. O placar foi 3 a 2 para o representante do boxe brasileiro no Usti Nade Labem. Luiz Fernando (69kg) foi melhor que Alexsander Radzionau, da Bielorrússia, e venceu por 4 a 1, mesmo placar da vitória de Carlos Rocha sobre o italiano Raffaele Serjo.

Três venceram por unanimidade, ou 5 a 0. Douglas Andrade (57kg) sobre o sul-coreano Chan Lee, Abner Teixeira (91kg) sobre Berat Acar, da Turquia, e Joel Silva em cima do holandês Thomas Oomen.

Hebert Souza (75kg) foi o único que não venceu. Por conta de um choque de cabeças, o árbitro encerrou a luta no segundo assalto e os juízes declararam Salvattore Cavallaro, da Itália, como o vencedor por 3 a 2.

A maratona do boxe brasileiro em Usti Nade Labem continua nesta sexta-feira (24). Confira as lutas:

Boxe Masculino
Douglas Andrade (52kg) luta contra Eric Basran, do Canadá
Carlos Rocha (57kg) luta contra Samuel Kistohurry, da França
Wanderson Oliveira (63kg) pega Artur Szachbazjan, da Rep. Tcheca
Luiz Fernando (69kg) encara Andrea Vadaz, da Hungria
Abner Teixeira (91kg) luta contra Erislandy Savon, de Cuba
Joel Silva (+91kg) pega Hyeon Kim, da Coreia do Sul

Boxe Feminino
Graziele de Jesus (51kg) Terá pela frente Natalia Rok, da Polônia
Jucielen Romeu (57kg) encara Sandra Kruk, da Polônia
Beatriz Ferreira (60kg) luta contra Vendula Sedlakova, da Rep. Tcheca
Flávia Figueiredo (75kg) pega Viktoria Kebikova, da Bielorrússia

Grand Prix Usti Nade Labem

Com meio século de tradição, o Grand Prix Usti Nade Labem reúne na República Tcheca 108 atletas de 25 países. No masculino são disputadas apenas as oito categorias que participarão de Tóquio 2020: 52kg; 57kg; 63kg; 69kg; 75kg; 81kg; 91kg e +91kg. Antes eram dez.

Esses oito pesos serão utilizados em campeonatos mundiais e pré-olímpicos e nos próprios Jogos de Tóquio 2020. A ideia dessa redução surgiu para aumentar mais duas categorias no naipe feminino nos Jogos Olímpicos, que passaram para cinco: 51kg; 57kg (nova), 60kg; 69kg (nova); e 75kg.

Já para os campeonatos mundiais não classificatórios, Jogos Pan-Americanos, Sul-Americanos e outros eventos serão utilizadas as 10 categorias tradicionais do masculino: 49kg; 52kg; 56kg; 60kg; 64kg; 69kg; 75kg; 81kg; 91 e +91kg.

Mais em Boxe