Siga o OTD

Basquete

Franca vence a 18ª seguida em casa e está a um passo da taça

Time paulista 77 a 71 no Flamengo no jogo 3 da final do NBB e abriu 2 a 1 na série melhor de cinco que decide o campeonato

O Franca Basquete venceu mais uma em seu ginásio, a 18ª seguida, e está a um passo do título deste ano do NBB. O time paulista 77 a 71 no Flamengo neste sábado no jogo 3 da final do NBB e abriu 2 a 1 na série melhor de cinco que decide o campeonato. Cerca de 5,5 mil pessoas estiveram no Pedrocão.

A decisão agora volta para o Rio de Janeiro, no sábado (7), onde o Flamengo venceu o primeiro jogo do duelo com autoridade. O quinto jogo, se necessário, volta para Franca, chamada por muitos como a capital do basquete brasileiro, já que o tradicional time local tem uma sala de troféus recheada. Ostenta onze títulos brasileiros, mas nenhum na era NBB. O último que veio já faz 20 anos, o tricampeonato de 97, 98 e 99.

Lucas Dias fez um duplo duplo (Fotojump/LNB)

Lucas Dias foi o nome do jogo. Anotou um duplo duplo com 18 pontos e dez rebotes. além de dar duas assistências. Alexey também contrubuiu muito, com 16 pontos e mais cinco assistências. Pelo lado rubro negro, Marquinhos foi o maior pontuador com 16 e pegou sete rebotes, uma menos Varejão, líder do time da estatística.

Começo bipolar, final eletrizante

O primeiro tempo foi bipolar. No primeiro quarto, o Flamengo amassou o Franca Basquete usando a arma que o havia matado no jogo anterior: a bola de três. Foram sete de dez contra somente uma de seis do time da casa. Nos últimos trinta segundos do primeiro período dois lances foram o retrato dos primeiros dez minutos. Deryk e Davi (veja abaixo) meteram duas bolas do meio da quadra para fechar o placar no quarto em 32 a 15 para os visitantes.

Tudo mudou no segundo período. Para se ter uma ideia, o Flamengo só conseguiu marcar seus primeiros pontos quando faltavam 4min12s para o intervalo. Até lá, o Franca Basquete foi escalando o placar metendo bola de tudo o que é jeito. Ao final dos dez minutos, 24 a 10 para o time da casa e os times foram para o vestiário com 42 a 39 para os cariocas.

Na volta dos vestiários, o jogo voltou ao normal. Times marcando forte atrás e conseguindo pontuar na frente. Quando faltavam 6min06s, em uma jogada com falta e cesta, David matou o lance livre e finalmente o Franca conseguiu empatar o jogo em 48 pontos.

No ataque seguinte Jackson tentou uma de três para virar o jogo, mas ela não caiu. Do outro lado, Marquinhos converteu duas seguidas de fora e colocou seis de frente para o Mengo. Vantagem que caiu pela metade em outra de fora, mas de Alexey para os anfitriões.

A virada francana veio com Jackson a 2min15 do fim: 55 a 54 (veja abaixo). Até então, o único momento em que o time da casa havia comandado o placar fora no 2 a 0. A seguir, em dois lances livres, ele mesmo subiu a diferença para 57 a 54, placar do jogo ao final do terceiro período, vencido pelo Franca por 18 a 12.


O último período, com não poderia deixar de ser, foi ponto a ponto e só quando o cronômetro marcava pouco mais de três minutos uma das equipes conseguiu abrir duas posses de frente. O Franca Basquete abriu 70 a 65.

Quando o Flamengo estava seis pontos atrás, Varejão desperdiçou dois lances livres, muito apupado pela torcida. No rebote, Hettsheimeir sofreu falta e, no outro garrafão, levou a distância para oito pontos no 74 a 66.

A pouco mais de um minuto do fim, a vantagem foi para três posses. Falta e cesta de Jimmy, que colocou a pá de cal ao abrir 77 a 70 (veja abaixo). Daí até o fim foi só administrar.

Mais em Basquete